Brasileiros não repetem feito na Geórgia e caem antes das finais

(Foto: CBJ)
Depois de ganhar duas medalhas na última sexta-feira, os brasileiros que disputam o Grand Prix de Tbilisi não conseguiram repetir o feito e caíram antes da final, neste sábado. Desta vez, o melhor desempenho na Geórgia veio de Bruna Silva e Yanka Pascoalino, que venceram um combate, mas não seguiram na disputa e terminaram na sétima colocação.

Na categoria até 70kg, Bruna estreou no Circuito Mundial contra a suíça Alina Lengweiler e a venceu por ippon. Nas quartas de final, entretanto, caiu no duelo com a francesa Marie Eve, foi derrotada com a vantagem de um waza-ari e machucou o tornozelo direito. Assim, a brasileira não voltou para a repescagem.

Yanca, por sua vez, disputando até 63kg, venceu a russa Sofya Matatova no golden score, mas perdeu por ippon para a francesa Clarisse Agbegnenou. Na repescagem, não superou a britânica Lubjana Piovesana, sofrendo duas punições e um wazari.

Outra representante do Brasil, Alexia Castilhos (63kg), foi derrotada pela britânica Lucy Renshall nas oitavas, levando três punições. Assim como ela, no masculino, Jeferson Santos Junior e David Lima, nos judocas até 73kg, também não passaram da primeira luta e perderam respectivamente para Giovanni Esposito, da Itália, e Mohammad Mohammadi, do Irã.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.