Coritiba põe fim ao jejum de cinco jogos e vence o Cianorte

(Divulgaçlão/CFC)
Terminou o jejum de cinco jogos do Coritiba. Mesmo sem convencer, o time acabou com a invencibilidade do Cianorte e venceu por 1 a 0, no Estádio Couto Pereira, marcando seus primeiros pontos na Taça Caio Júnior, o segundo turno do Campeonato Paranaense. Com o resultado, o Coxa chegou aos três pontos, na quinta colocação. O Leão segue na ponta do Grupo A, com sete pontos, mas pode ser ultrapassado.

Depois de sofrer pressão na etapa inicial e ver Wilson defender um pênalti, o Coxa abriu o placar logo aos dois minutos da etapa final, com o goleiro João Gabriel se atrapalhando em cobrança de escanteio e mandando a bola para dentro de sua própria rede.

Na próxima rodada, a última da primeira fase, o Coritiba enfrenta o Cascavel, quarta-feira, no Estádio Olímpico Regional. Já o Cianorte recebe o Foz do Iguaçu, no mesmo dia, no Estádio Albino Turbay.

O jogo – A partida começou com muito toque de bola, mas com os ataques sem serem acionados pelas duas equipes, que pareciam sentir o forte calor no Alto da Glória. Aos nove minutos, Murilo arriscou o primeiro chute, fraco, praticamente recuando para Wilson. O torcedor, que compareceu em pequeno número, pegava no pé do time coxa-branca, que não embalava.

O Leão tentou chegar em lance de bola parada, com Richalyson, aos 18 minutos, cobrando falta e carimbando a zaga alviverde. Chance real mesmo aconteceu aos 23 minutos, com Rafael Xavier levantando da esquerda e Neto Costa aparecendo para testar e parar em grande intervenção de Wilson.

A resposta do Coritiba veio aos 25 minutos, com Thiago Lopes deixando a bola para Pablo finalizar e João Gabriel defender. A maior oportunidade, no entanto, veio aos 36 minutos, depois que Léo Andrade cortou a bola na área com a mão e o árbitro marcou a penalidade. Porém, Richarlyson cobrou e Wilson fez a defesa.

Para o segundo tempo, as equipes voltaram sem alterações. Mas, logo aos dois minutos, após cobrança de escanteio, João Gabriel tentou afastar a bola e empurrou para dentro da própria rede, dando o gol para o Coxa. O gol acalmou o time da casa, que trabalhava mais a bola sem tanta ansiedade. Aos seis minutos, Julio Rusch cobrou escanteio, Léo Andrade desviou de cabeça e Pablo perdeu.

O Cianorte, que ainda briga por classificação, tentava brigar, mas não voltou com a mesma liberdade. Aos 19 minutos, Rafael Xavier partiu para a jogada individual e chutou para mais uma boa defesa de Wilson. Aos 24 minutos, Maikinho disparou em velocidade, passou pela defesa como quis e arrematou para o goleiro alviverde segurar.

O técnico Marcelo Caranhato fez algumas modificações que deixaram o Leão mais solto em campo. Aos 33 minutos, Moser lançou Alecsandro, que não alcançou a bola dentro da área. O Coxa teve a chance de matar o jogo aos 39 minutos, com Yan, que de cara para o gol conseguiu isolar a bola. Aos 43 minutos, Gerônio cobrou falta, Marcão desviou e Wilson deu um susto na torcida, mas praticou a defesa para garantir os três pontos.

CORITIBA 1 X 0 CIANORTE

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, Curitiba (PR)
Data: 17 de março de 2018, sábado
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Adriano Milczvski
Assistentes: Luiz Paulo Galli e Alexsandro Euzébio da Silva
Cartões amarelos : Pablo (Coritiba)

Gols
CORITIBA: João Gabriel (contra), aos 02 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Wilson; Moser, Romércio, Léo Andrade e Benítez; João Paulo; Julio Rusch, Matheus Galdezani (Alvarenga) e Thiago Lopes (Yan); Pablo (Guilherme Parede) e Alecsandro .
Técnico: Sandro Forner

CIANORTE : João Gabriel; Guilherme Lucena (Gerônimo), Feliphe Gabriel, Marcão, William Formiga e Carrilho; Morelli, Rafael Xavier (Edilson) e Richarlyson (Maikinho); Murilo e Neto Costa.
Técnico: Marcelo Caranhato.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.