Atletas do Bahia comemoram vantagem e rechaçam jogar “pelo empate”

Vinícius marcou o segundo gol, de pênalti, para o Bahia (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)
A relação de Vinícius com os clássicos Ba-Vi tem se tornado um trunfo do Bahia nesta temporada. Pela segunda vez consecutiva, o atacante voltou a ser protagonista marcando o gol da vitória. Porém, desta vez, o jogador foi mais comedido na comemoração que culminou na confusão generalizada no último encontro, com nove expulsões e o resultado definido no tribunal.

Autor do segundo gol na vitória por 2 a 1 pela primeira partida da decisão do Campeonato Baiano, Vinícius foi um dos que comemorou bastante a vantagem adquirida pelo Esquadrão de Aço após os primeiros 90 minutos, mas alertou para a atenção no embate de volta no Barradão e rechaçou um jogo defensivo para segurar a vantagem.

“O importante é o triunfo. É claro que se a gente não toma o gol em casa seria melhor. Importante que a gente está com a vantagem e, claro, vamos trabalhar a semana inteira pensando em ir lá no Manoel Barradas (Barradão) e conseguir o triunfo, respeitando a equipe do Vitória. A gente vai jogar sempre pensando no triunfo”, disse Vinícius ao canal Premiere.

Jogar pelo empate parece ser um discurso que o Bahia não irá manter para a semana. Além do artilheiro do time na temporada, Lucas Fonseca corroborou os dizeres do atacante e valorizou a semana cheia para que Guto Ferreira possa fazer os ajustes necessários a fim de montar uma boa estratégia para a conquista da taça fora de casa, com todo o estádio jogando contra.

“Agora a gente joga por um empate. Mas o Bahia nunca vai a campo para empatar. Vai para buscar o triunfo, mas com inteligência. A gente sabe as circunstâncias do campeonato. É trabalhar a semana, é semana cheia, corrigir o que tem de errado e chegar no domingo para fazer um belo jogo”, afirmou o defensor à Rádio Metrópole.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.