Atlético de Madrid aproveita vacilos da defesa e vence Sporting

 (Foto: GABRIEL BOUYS / AFP)
Nesta quinta-feira, na primeira partida pelas quartas de final da Liga Europa, o Atlético de Madrid contou com um gol relâmpago marcado por Koke, além de se aproveitar das falhas defensivas dos rivais, para sair à frente do Sporting, de Portugal, e vencer pelo placar de 2 a 0. O outro tento do confronto, disputado no Estádio Wanda Metropolitano, foi anotado por Griezmann.

O jogo de volta entre as duas equipes está marcado para o dia 12 de abril, na próxima quinta-feira, às 16h05 (horário de Brasília), no Estádio José Alvalade.

Para o duelo, os comandados do argentino Diego Simeone terão a vantagem, podendo perder por até um gol de diferença, devido ao resultado conquistado nesta quinta-feira, na Espanha.

O jogo – Os colchoneros abriram o marcador logo na saída de bola. Com vinte segundo de ação, Coates tentou o passe próximo da área e Diego Costa interceptou. O atacante carregou a bola e rolou para Koke que, no limite da posição legal, se adiantou e tocou para o fundo das redes.

O maior perigo do restante da etapa foi logo no lance seguinte. O zagueiro uruguaio Godín fez o cabeceio e o goleiro Rui Patrício fez a defesa. Depois, o jogo ficou truncado.

Quem levou perigo na próxima oportunidade foram os visitantes. Em finalização de Gelson Martins, o arqueiro Oblak precisou fazer grande defesa para evitar o gol de empate da equipe portuguesa.

Entretanto, aos 39 minutos do primeiro tempo, foi novamente o time do Atlético de Madrid que furou o bloqueio adversário. Griezmann aproveitou nova trapalhada da zaga do Sporting, dessa vez com Mathieu, e arrancou em velocidade. Cara a cara com Rui Patrício, o francês bateu forte e não desperdiçou: 2 a 0.

A segunda etapa começou agitada. Logo no segundo minuto, o Atlético perdeu boa chance com Diego Costa: o brasileiro naturalizado espanhol recebeu frente a frente com Rui Patrício e tentou driblá-lo, mas o goleiro pulou nos pés do atacante e impediu o terceiro.

Depois disso, novamente a partida voltou a ficar “parada”. Sem grandes emoções, as duas equipes não movimentaram os respectivos setores ofensivos e não alteraram mais o placar do embate. Ao apito final do árbitro, vitória dos colchoneros confirmada e vantagem adquirida na Liga Europa.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.