Ceará vence Fortaleza de Ceni no primeiro jogo da final do Cearense

(Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza EC)
O Ceará saiu na frente na grande final do Campeonato Cearense. Na noite desta quarta-feira, o Vozão enfrentou o Fortaleza, do técnico Rogério Ceni, e assim como já havia feito na primeira fase, superou o Tricolor por 2 a 1. Os dois gols do Vozão foram marcados por Arthur, que empatou com Gustagol, autor do único tento do Leão, como artilheiro do país, já que ambos balançaram as redes 16 vezes nesta temporada.

Com o resultado, o Fortaleza terá de vencer o Ceará na partida de volta pelo mesmo placar, uma vez que possui a vantagem do empate por ter conquistado dois triunfos na fase semifinal, contra o Floresta, ambos por 3 a 1. Basta saber se os comandados do técnico Rogério Ceni conseguirão dar a volta por cima e dar ao treinador seu primeiro título da carreira à beira do gramado.

O jogo de volta da grande final do Campeonato Cearense acontece já no próximo domingo, às 16h (de Brasília), novamente na Arena Castelão.

O jogo – O Ceará não precisou de muito tempo para assustar o Fortaleza. Logo aos cinco minutos Pio, em cobrança de falta, soltou uma bomba da entrada da área para carimbar a trave direita de Matheus Inácio. Empolgado com a primeira boa oportunidade, o Vozão voltou a pressionar os adversários com Pio aos 21. Desta vez, o lateral-direito recebeu bom passe para pegar de primeira e bater cruzado, rasteiro, exigindo boa defesa do goleiro do Fortaleza.

O Leão, por sua vez, respondeu três minutos depois com Osvaldo. O atacante, companheiro do técnico Rogério Ceni nos tempos de São Paulo, driblou o zagueiro, invadiu a área e saiu frente a frente com o goleiro do Ceará, que fechou o ângulo do rival e conseguiu bloquear o arremate. Pouco depois foi a vez do artilheiro Gustagol ter a chance de marcar para o Fortaleza após cobrança de lateral, porém, o cabeceio do jogador foi defendido por Éverson, que mandou para escanteio.

Se Gustagol não fez, o outro artilheiro do duelo, Arthur, tratou de não desperdiçar. Aos 34 minutos, o atacante do Ceará aproveitou o cruzamento de Wescley pela direita para subir livre e cabecear sem chances para Matheus Inácio. Antes de ir para o intervalo, Arthur ainda balançou as redes novamente, desta vez completando o desvio de Felipe Azevedo depois da cobrança de escanteio para chegar ao seu 16º gol da temporada e ultrapassar o rival Gustagol como o maior artilheiro do país.

Tentando reagir, o Fortaleza voltou para a etapa complementar com duas alterações, porém, mantinha como principal arma seu artilheiro, Gustagol, e aos dois minutos ele quase correspondeu às expectativas. O jogador aproveitou o cruzamento na área e novamente ganhou da defesa no alto, porém, mandou à direita do goleiro Éverson. Já aos 14, o atacante do Leão finalizou já caído, viu a bola desviar em Luiz Otávio e depois bater na trave.

O Ceará, por sua vez, teve a chance de deixar o placar ainda mais elástico com Felipe Azevedo, que bateu cruzado, forçando grande defesa de Matheus Inácio. Na sobra, Wescley mandou para fora. Daí em diante o Vozão diminuiu seu ímpeto na partida e passou a trocar passes. O Fortaleza, no entanto, não desistiu e antes do apito final, aos 41, conseguiu um importante gol com ele, claro, Gustagol, que completou para as redes após o cruzamento de Tinga para descontar para o Leão.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 2 X 1 FORTALEZA

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 04 de abril de 2018, quarta-feira
Horário: 21h45 (Brasília)
Árbitro: Wagner Magalhães (Fifa-RJ)
Assistentes: Alessandro Rocha (Fifa-BA) e Danilo Manis (Fifa-SP)

GOLS: Arthur, aos 34 e aos 42 minutos do 1ºT (Ceará); Gustagol, aos 41 minutos do 2ºT (Fortaleza)
Cartões amarelos: Wesley e Bruno Melo (Fortaleza)

CEARÁ: Éverson; Pio, Valdo, Luiz Otávio e Ernandes; Richardson, Juninho e Ricardinho; Wescley (Roberto), Arthur (Elton) e Felipe Azevedo.
Técnico: Marcelo Chamusca

FORTALEZA: Matheus Inácio; Diego Jussani (Wesley), Roger Carvalho e Ligger; Tinga, Igor Henrique (Derley), Felipe e Bruno Melo; Osvaldo, Gustavo Henrique e Léo Natel (Alípio).
Técnico: Rogério Ceni


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.