Mercedes acredita que Ferrari igualou seu motor

Equipe crê que não há mais vantagem entre as duas unidades de potência na F1

Foto: WILLIAM WEST/ AFP PHOTO
Falando nesta quinta-feira, em preparação ao GP do Bahrein, o piloto da Ferrari Sebastian Vettel afirmou que a Mercedes tinha uma vantagem de 0.4 segundo no início da temporada.

A Mercedes tem sido a força dominante da F1 na era V6 turbo-híbrida, que começou em 2014, mas Lewis Hamilton disse que sua equipe foi pega pela Ferrari em termos de potência do motor.

Questionado sobre a vantagem que Vettel estimava que a Mercedes tinha, Hamilton respondeu: "Eu não tenho dados, a equipe não mencionou números para mim.”

"Eles disseram que na classificação nós achamos que estamos iguais a eles. Eles fizeram uma grande melhoria. E [a equipe disse] que na corrida poderíamos ter uma ligeira vantagem sobre eles.”

"É difícil dizer de uma corrida que eles tinham um perfil de corrida diferente, particularmente quando estavam fazendo algo diferente."

"Você terá uma ideia muito melhor nas próximas provas."

Acredita-se que a Ferrari tenha conseguido um ganho de 10 bhp com seu motor de 2018, tendo originalmente estabelecido uma meta mínima de adequação de sua potência de 2017.

Seu carro era mais rápido que a Mercedes nas retas na Austrália, embora isso fosse ajudado pela corrida com menos downforce.

Hamilton ainda desfrutou de uma vantagem de mais de 0.6s na classificação e era confortavelmente mais rápido na corrida, até que um Safety Car deu a Vettel uma vitória inesperada.

O britânico disse que estava pronto para se recuperar neste fim de semana.

"Ainda estou feliz com isso", disse Hamilton. "Mas acho que é que eu comecei primeiro e terminei em segundo. Você nunca quer andar para trás.”

"Isso é difícil para todos nós, mas todos na equipe sentiram a mesma dor. Depois da corrida, todos nós nos reunimos, sentamos e tomamos uma bebida.”

"Eu venho aqui muito forte e positivo e tenho uma boa direção sobre como seguir em frente. É por isso que este é um time tão grande."
Tecnologia do Blogger.