Raptors têm trabalho, mas batem Wizards no 1º jogo e quebram tabu

(Foto: Ron Turenne/NBAE /Getty Images/AFP)
Os líderes da Conferência Leste tiveram trabalho nesta sábado, mas conseguiram importante vitória. Na primeira partida da série de melhor de sete jogos dos playoffs da NBA, o Toronto Raptors foi surpreendido pelo Washington Wizards e precisou mostrar o porquê terminou a temporada regular em primeiro para conseguir o suado triunfo pelo placar de 114 a 106.

Esta é a décima participação do Toronto em playoffs e pela primeira vez em 24 anos de história, o time canadense venceu em uma estreia de playoff. Com o resultado, a equipe abre a 1 a 0 na série. A esperança e sonho do time e da torcida é que os Raptors cheguem pela primeira vez na grande final da NBA – disputaram apenas uma vez a final da Conferência em 2016. Além disso, neste confronto, o Toronto bateu o recorde da própria franquia após converter 15 cestas de três.

O ala-pivô Serge Ibaka foi fundamental no confronto e terminou como cestinha com 23 pontos, além de 12 rebotes. Pelo lados dos Wizards, John Wall liderou também com 23 pontos e 15 rebotes.

O segundo jogo da série acontece na próxima terça-feira, às 20h (de Brasília), novamente no Air Canada Centre, casa do Toronto.

Os Raptors começaram melhor e colocam 10 a 4 com quatro minutos do duelo. O time de Toronto se impôs e foi construindo a vantagem, que chegou a ser de nove pontos. Os canadenses fecharam a primeira parcial com placar de 28 a 23.

A partida era lá e cá, mas o Toronto levava vantagem e conseguiu abrir oito pontos de frente faltando pouco mais de oito minutos para o intervalo. No entanto, para desespero da torcida, os Wizards reagiram e passaram a pressionar os adversários. A postura diferente logo surtiu efeito e time de Washington conseguiu virar o jogo. Os Wizards deram o troco, venceram a parcial por 36 a 27 e foram para o intervalo na frente, com quatro pontos a mais: 59 a 55.

Com dois minutos do terceiro quarto, o Toronto voltou a passar à frente com DeRozan, que marcou cinco pontos nesse começo de período. Ele, junto com Lowry retornaram muito bem do intervalo e lideravam o Toronto, que conseguiu abrir cinco de frente.

Porém, o respiro no placar durou pouco, já que a quatro minutos do fim da parcial, os Wizards novamente deixaram tudo igual em 75 a 75. O jogo era lá e cá e ambas as equipes se alternavam na liderança do placar, mas foram os Raptors quem venceram a parcial por 31 a 26 e levaram a vantagem de um ponto para o quarto período.

O quarto período teve a presença, pela primeira vez no jogo, do brasileiro Lucas Bebê e roteiro se manteve o mesmo, bastante equilibrado e com várias mudanças na liderança. Faltando cinco minutos, os Wizards caíram de produção e viu o Toronto abrir nove pontos – 10 a 0 nos últimos três minutos. A vantagem já era bastante confortável e o time visitante pouco pôde fazer. O Toronto venceu a parcial por 28 a 21 e sacramentou o triunfo.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.