Dani Alves ficará pelo menos três semanas fora e mantém chance de Copa

(Foto: AFP)
Após sofrer lesão durante a vitória do Paris Saint-Germain por 2 a 0 sobre o Les Herbiers, Daniel Alves foi submetido a exames em hospital em Paris, na manhã desta quarta-feira. De acordo com nota divulgada pela assessoria de imprensa do PSG, os procedimentos constataram uma alta desinserção do ligamento cruzado anterior do joelho direito. Não há, neste momento, a necessidade de cirurgia. Contudo, outras avaliações ainda serão realizadas.
O lateral ficará sob cuidados médicos durante três semanas, e ao final do período, será reavaliada a necessidade de procedimento cirúrgico. Com isso, a chance de disputar a Copa do Mundo ainda é mantida, mas a presença do camisa 2 na estreia do torneio, no dia 17/06, contra a Suíça, ainda é incerta. Pessoas próximas do atleta afirmam que ele está otimista quanto a sua recuperação e participação no mundial.
O técnico Tite anunciará na segunda-feira a lista para a Copa do Mundo, com a presença do lateral dependendo apenas do treinador. Para os amistosos dos dias 3 e 10 de junho, contra Croácia e Áustria, respectivamente, Dani Alves deverá ser baixa.
O experiente lateral do PSG foi substituído já na reta final de partida contra Les Herbiers pelo belga Thomas Meunier, depois de ter sentido as dores no joelho. O brasileiro ainda participou das comemorações do título da Copa da França com os companheiros no gramado.
Confira a nota divulgada pela assessoria do clube francês:
“Após o traumatismo do joelho direito de Dani Alves, que ocorreu ontem durante a final da Copa da França, os exames realizados hoje mostraram uma alta desinserção do ligamento cruzado anterior com entorse póstero-externo. Sua condição requer um mínimo de 3 semanas de cuidados antes de reavaliar a necessidade de tratamento cirúrgico”.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.