Di Maria abre as portas para sair do PSG e fala de Neymar

(Foto: Bertrand Guay/AFP)
Nesta terça-feira, a revista francesa France Football divulgou uma entrevista exclusiva com o meia Ángel Di Maria, do Paris Saint-Germain. Uma posição abaixo na hierarquia de escolha do técnico Unai Emery desde a contratação de Neymar, o argentino falou sobre sua permanência no clube, do amigo brasileiro e da atmosfera no vestiário. Confira alguns trechos da entrevista.

Neymar

“Ele trouxe um plus para o clube e este campeonato. Permitiu que a L1 crescesse repentinamente, inclusive fora do aspecto puramente futebolístico, seja em termos de sua disseminação ou de um ponto de vista mercadológico (…). rapidamente”.

Vestiário

“Nós falamos muito, mas no vestiário, sabemos o que realmente é. Quando estamos entre nós, somos nós e nada mais. Nós todos atiramos na mesma direção, todos nós queremos ganhar a Liga dos Campeões, Ligue 1, a Copa da França… ”

Permanência

“Eu não sei (sobre ficar no PSG). Estou feliz aqui, mas o clube precisa trazer jogadores e, para isso, ele tem que vender outros”.

Neymar foi contratado pelo PSG em agosto de 2017 por 222 milhões de euros (R$ 824 milhões na cotação da época), a transação mais cara da história. Desde então, algumas questões foram levantadas no clube, principalmente em relação à atmosfera do vestiário, já que ele e Cavani não se mostraram muito amigos desde as primeiras partidas disputadas juntos. Sem ter jogado muito desde a chegada do brasileiro, Di Maria ainda abriu as portas para sua saída do clube francês.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.