Dois meses após lesão, Neymar volta a Paris nesta sexta-feira

(Foto: Yann Coatsaliou/ AFP)
Dois meses e alguns dias se passaram desde que Neymar sofreu a lesão no quinto metatarso do pé direito. E depois de passar por uma cirurgia no dia 1º de março e seguir com a recuperação no Brasil, o atacante deixa sua terra natal rumo ao retorno à França.

Segundo informações da rádio RMC e do jornal L’Equipe, o camisa 10 embarca nesta quinta-feira e deve chegar na manhã do dia seguinte em Paris, onde vai passar por avaliações médicas no Paris Saint-Germain e realizará a fase final da recuperação da lesão.

De acordo com a imprensa francesa, Neymar deve marcar presença na final da Copa da França para apoiar o PSG contra o Les Herbies, na próxima terça-feira. O camisa 10 também deve estar no evento de gala da Fundação PSG e em uma pequena festividade organizada pelo clube antes do último confronto da temporada no Parque dos Príncipes, que acontece no dia 12 de maio contra o Rennes.

O atacante se machucou no dia 25 de fevereiro, durante o duelo contra o Olympique de Marselle, pelo Campeonato Francês. Uma semana depois, o jogador desembarcou no Brasil e foi operado pelo médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, em Belo Horizonte.

O PSG ainda não se manifestou oficialmente sobre o retorno de Neymar a Paris e não estabeleceu uma data para que o camisa 10 volte a trabalhar no CT. No entanto, o clube indicou uma boa recuperação do atacante, em nota publicada nesta semana, e confirmou que ele já pode tirar toda e qualquer proteção do pé, além de encerrar o período de imobilização.

Quanto à Seleção Brasileira, o próximo compromisso de Neymar seria a apresentação antes da Copa do Mundo, em Teresópolis, a partir do dia 21 de maio. No dia 27, a delegação viaja para Londres, onde realizará treinamentos antes dos amistosos contra a Croácia, em Liverpool, e a Áustria, em Viena, nos dias 3 e 10 de junho, respectivamente.

Na Rússia, o time esta previsto para iniciar a preparação no dia 11 de junho, já em Sochi e estreia na Copa no dia 17 de junho, contra a Suíça, em Rostov.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.