Flamengo derrota a Ponte e fica em vantagem na Copa do Brasil

 (Foto: Staff Images/CRF)
Mesmo no Moisés Lucarelli, o Flamengo mostrou força e venceu por 1 a 0 a Ponte Preta, nesta quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Com o resultado, os rubro-negros vão atuar pelo empate no duelo da volta, no Rio de Janeiro.
Os cariocas foram superiores no primeiro tempo e foram para o intervalo com a vantagem após o gol de Henrique Dourado. Na etapa final, a Ponte Preta equilibrou, mas teve poucas chances de marcar. O Flamengo administrou o resultado para sair de campo com a vitória.
O confronto de volta será na próxima quinta-feira, no Maracanã.
O jogo – O Flamengo começou melhor a partida e pressionou a Ponte Preta mesmo fora de casa. Os rubro-negros criaram a primeira boa chance do confronto aos três minutos, em chute de Vinícius Júnior que parou em defesa de Ivan. Aos seis, os cariocas balançaram a rede, mas o gol foi anulado por conta de uma falta de Léo Duarte.
O susto fez a Ponte Preta acordar e melhorar na partida. Tanto que os donos da casa passaram a ter mais posse de bola e chegaram ao ataque aos 11 minutos. Orinho arriscou de formada área, mas Diego Alves fez a defesa sem dificuldade.
A partir dai, o jogo ficou equilibrado. As duas equipes marcavam bem e impediam os avanços do adversário. Enquanto a Ponte Preta sofria no setor ofensivo, o Flamengo era mais organizado e acabou chegando ao gol aos 32 minutos. Éverton Ribeiro achou Lucas Paquetá na área. O meia tocou rasteiro para Henrique Dourado no meio da pequena área e viu o atacante apenas empurrar para a rede.
O revés fez a Ponte Preta buscar o ataque com mais vontade. Os donos da casa tiveram boa chance de empatar aos 41 minutos. Igor finalizou e quase acertou o ângulo de Diego Alves. O Flamengo passou a administrar a posse de bola e levou a vantagem até o intervalo.
No segundo tempo, a Ponte Preta voltou com a intenção de chegar ao empate nos primeiros minutos. No entanto, os donos da casa seguiam com problema para criar boas jogadas. Sem sofrer na defesa, o Flamengo adotou uma atitude mais cautelosa.
Com dificuldade em levar perigo, a Ponte Preta só assustou aos 18 minutos, em chute de longe de Lucas Mineiro. Já o Flamengo só respondeu seis minutos depois, em finalização de Éverton Ribeiro.
Os donos tiveram a oportunidade de igualar o placar aos 33 minutos. Léo Duarte perdeu a bola ainda na área e viu Felippe Cardoso acertar o travessão. No rebote, Felippe Cardoso teve nova chance de marcar, mas parou em grande defesa de Diego Alves.
O lance fez a Ponte Preta se lançar ao ataque, mas quem quase marcou foi o Flamengo, aos 37 minutos. Em contra-ataque rápido, Vinícius Júnior avançou em velocidade e chutou na saída de Igor. Só que a bola passou sobre o travessão.
Nos minutos finais, o panorama seguiu o mesmo. Os donos da casa sem poder ofensivo para pressionar. Já os cariocas ainda tiveram chance de ampliar, mas Vinícius Júnior desperdiçou o lance ao finalizar pela linha de fundo. Mesmo assim, os flamenguistas seguraram o resultado até o fim.
FICHA TÉCNICA:
PONTE PRETA-SP 0 X 1 FLAMENGO-RJ
Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 2 de maio de 2018, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
Renda: R$ 95.805,00
Público: 9.789 presentes
Cartão amarelo: André Castro (Ponte Preta)
GOL
FLAMENGO: Henrique Dourado, aos 32min do primeiro tempo
PONTE PRETA: Ivan, Igor, Reynaldo, Renan Fonseca e Marciel; André Castro, Lucas Mineiro, Tiago Real (Paulinho) e Orinho (Júnior Santos); Felipe Saraiva (Aaron) e Felippe Cardoso.
Técnico: Doriva
FLAMENGO: Diego Alves, Rodinei, Léo Duarte, Rever e Renê; Cuéllar, Paquetá, Éverton Ribeiro (Pará), Geuvânio (Jean Lucas) e Vinicius Júnior (Marlos Moreno); Henrique Dourado
Técnico: Maurício Barbieri (interino)

Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.