Koscielny, em maca e em lágrimas, ver Copa do mundo longe

O capitão do Arsenal, Laurent Koscielny, é evacuado por ajuda após a lesão, durante a partida contra o Atlético de Madrid, em 3 de maio de 2018 (AFP / GABRIEL BOUYS)
O defesa do Arsenal, Laurent Koscielny, lesionado num tendão de Aquiles, foi forçado a sair na quinta-feira numa maca e a chorar contra o Atlético de Madrid na semi-final da Liga Europa (1 a 0), um grande golpe para o internacional francês que pode ficar fora da Copa  Mundo de 2018.

"Não parece bom, mas sempre esperamos um milagre durante os exames", disse o técnico Arsene Wenger em coletiva de imprensa.

"Se ele tiver o tendão de Aquiles quebrado, eu diria que as chances dele para a Copa do Mundo são inexistentes, mas saberemos mais depois dos exames."

De acordo com a BBC, que não cita uma fonte, Koscielny deve perder a chamada com os Blues neste verão na Copa do Mundo (14 de junho a 15 de julho).

O capitão francês Arsenal quinta-feira foi ferido em uma mudança de apoio após apenas 8 minutos de jogo e ele caiu no chão, gritando de dor e bater no gramado do punho.

Wenger não teve escolha senão substituí-lo com a entrada de Calum Chambers, aos 10 minutos, no estádio Metropolitano, em Madri, quando o placar foi de 0 a 0.

Se a gravidade de sua lesão foi confirmada, seria uma grande perda para a equipe da França, cujo francês (32 anos, 51 sel.) É um dos pilares defensivos.

Koscielny arrastou por vários meses um problema no tendão de Aquiles direito que não o impediu de jogar, mas exigiu cuidados diários.
Tecnologia do Blogger.