Messi faz três e Argentina goleia na Bombonera antes de embarcar

Foto:Eitan Abramovich/AFP
A noite dessa terça-feira foi de despedida e também de esperança para os argentinos. No mítico estádio da Bombonera, em Buenos Aires, a seleção do técnico Jorge Sampaoli fez o que se esperava dela: goleou o Haiti. Com Messi inspirado, a equipe alviceleste enfiou 4 a 0 nos modestos visitantes, que pareciam mais encantados com a presença do camisa 10 do que concentrados no amistoso.

Já nessa quarta, a delegação da Argentina que vai à Copa do Mundo embarca rumo a Barcelona, cidade onde Messi é Rei e local de preparação da seleção sul-americana antes de rumar para a Rússia.

O último teste dos hermanos está marcado para o dia 9 de junho, contra Israel, em Jerusalém. Depois disso, o desafio será a estreia no Mundial, diante da Islândia, dia 16. O grupo D da Copa ainda tem Croácia e Nigéria.

Apesar do placar elástico conquistado nessa terça, o primeiro tempo da partida terminou com apenas um gol marcado, o primeiro de Messi no jogo, em cobrança de pênalti sofrido por Lo Celso.

No intervalo, a imagem curiosa foi dos torcedores locais aplaudindo os visitantes e principalmente do assédio dos jogadores haitianos em cima de Lionel Messi, astro do futebol mundial, que ali mais representava um ídolo do que um rival para a seleção do pobre país do Haiti.

Na etapa final, Messi marcou mais duas vezes antes dos 20 minutos em dois lances de conclusão rápida já dentro da área. Para fechar a conta, Sério Kum Aguero também foi às redes depois de assistência camisa 10 e capitão argentino.

Após o apito final, a seleção da Argentina agradeceu o apoio de sua fanática torcida, que retribuiu com muitos aplausos e cantaria. Ainda deu tempo dos haitianos tirarem mais algumas lascas de Messi. E assim, com o clima misto entre empolgação e ansiedade, os atuais vice-campeões mundiais partem os últimos ajustes antes de mais uma Copa do Mundo.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.