Riquelme se encanta por Centurión: “Não há mais jogadores como ele”

(Foto: Divulgação)
A passagem de Ricardo Centurión pelo São Paulo não traz grandes recordações aos torcedores tricolores. Porém, na Argentina, a história é outra. A prova disto é a fala de ninguém menos que Juan Román Riquelme, consagrado meia do Boca Juniors, do Barcelona e da seleção argentina, a despeito de seu futebol.

“Me encanta vê-lo jogar. Não há mais jogadores como ele”, afirmou ex-camisa 10, em entrevista concedida à emissora TyC Sports, comentando a passagem do meia pelo Boca. “Acho que não se sentiu tão importante como se sente hoje no Racing. Se tivesse essa confiança que tem hoje, teria nos dado muitas alegrias”, completou.

Em agradecimento aos elogios, Centurión respondeu Riquelme por meio de uma de suas redes sociais: “Obrigado, Romántico. O único 10”.

O meia de 25 anos de idade, que é responsável por oito gols nos 13 jogos que disputou pelo Racing desde seu retorno ao clube de Avellaneda, chegou ao São Paulo no início de 2015. Alternando entre bons e maus momentos, o argentino fez apenas oito gols em 80 jogos, não se firmou no Morumbi e acabou emprestado ao Boca Juniors em agosto de 2016. Um ano depois, foi vendido ao Genoa. Sem chances na Itália, voltou ao Racing, que atualmente ocupa a 11ª posição do Argentino e lidera o Grupo E da Libertadores, que conta com Cruzeiro, Vasco e Universidad de Chile.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.