Com defesa digna de Copa do Mundo, Mateus Pasinato se destaca no clássico

Foto: Divulgação/Comunicação Vila Nova-GO
Vila Nova e Atlético Goianiense empataram sem gols no último sábado (16), no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 11° rodada, do Campeonato Brasileiro da Série B.

O empate não foi positivo para nenhum dos lados. Com o resultado, o Vila Nova-GO chegou a sete rodadas sem vencer. Curiosamente, o último triunfo foi justamente no clássico contra o Goiás. Já o Atlético-GO amarga uma sequência de cinco duelos sem triunfos.

A igualdade só ficou no marcador, porém, em campo o Vila Nova-GO mostrou superioridade. Se o ataque do Vila não vai bem, pra outro lado defesa vem se destacando. O arqueiro foi o principal responsável pelo empate, chamada de defesa digna de Copa do Mundo, Pasinato salvou o time de uma derrota que poderia deixar mais difícil a situação do tigre na competição.

"Clássicos são decididos nos detalhes e esse não foi diferente. Um dos melhores ataques contra uma das melhores defesas. Graças a Deus contribui com uma defesa importante no jogo e por detalhe não fizemos o gol da vitória", disse Mateus Pasinato.

O time alvirrubro segue sem perder do rival nesta temporada, com duas vitórias e agora dois empates. Mas tem o pior ataque, com nove gols, e não furou a pior defesa da competição, a do Atlético Goianiense, com 20 gols sofridos.

""E nosso próximo jogo será muito difícil. Vamos jogar na casa do adversário e sabemos da atmosfera que envolve esse jogo. Estamos trabalhando pra fazer um grande jogo e conquistar a vitória", finalizou Mateus Pasinato.

Com mais este tropeço, o Vila Nova chega aos 16 pontos e permanece na sétima colocação, já um pouco distante do G-4. O time colorado volta a campo no próximo sábado, fora de casa, contra o Boa Esporte. No mesmo dia, o Dragão, 13º colocado com 13 pontos, visitará o Sampaio Corrêa.
Tecnologia do Blogger.