Flamengo libera Ederson

 (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
Faltando pouco mais de uma semana para seu contrato chegar ao fim, o meia Ederson foi liberado pelo Flamengo para procurar um novo clube. Ele foi informado que a renovação contratual não faz parte dos planos dos dirigentes e até retirou seus pertences do Ninho do Urubu. Com 32 anos, o jogador viveu o momento mais delicado de sua carreira no ano passado, quando lutou contra um tumor na região dos testículos.

Ederson lutou seis meses e foi totalmente curado do tumor, porém, com três anos de contrato, entrou em campo apenas 38 vezes, justamente por conta de uma série de lesões que impediam a sequência de sua carreira. Contratado com o objetivo de resolver o problema de criação de jogadas, Ederson, com boa parte de sua carreira no futebol francês, nunca foi uma peça efetiva no elenco flamenguista. O jogador, porém, não pensa em parar e já analisa algumas ofertas.

Ederson é mais um jogador que sai do elenco no meio do ano. O meia Everton foi negociado com o São Paulo, enquanto o meia Vinicius Júnior vai se apresentar ao Real Madrid. Outro a caminho do Velho Continente é o atacante Felipe Vizeu, que vai defender a Udinese, da Itália.

O lateral-esquerdo peruano Miguel Trauco e o volante Willian Arão estão nos planos do Sporting, de Portugal, enquanto o segundo ainda estaria na mira de Santos e Internacional. O artilheiro peruano Paolo Guerrero tem contrato até 10 de agosto e futuro indefinido por conta da questão da punição por doping. Caso a punição seja confirmada, não terá o vínculo renovado com o Flamengo.

Por conta do recesso do Campeonato Brasileiro para a disputa da Copa do Mundo, os jogadores do Flamengo foram liberados para um período de folga. A volta ao trabalho acontece apenas em 25 de junho, quando os atletas são aguardados no Ninho do Urubu. O primeiro compromisso oficial após a disputa da Copa será o duelo contra o São Paulo, dia 18 de julho, no Maracanã, no Rio de Janeiro, pelo Brasileirão.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.