Com direito a assistência, Patric enaltece vitória do Atlético Mineiro em jogo-treino contra a seleção brasileira Sub-20

Foto: Bruno Cantini/Atlético Mineiro 
O Atlético Mineiro realizou na tarde de ontem (quarta-feira) um jogo-treino diante da seleção brasileira sub-20 na Cidade do Galo. Os comandados de Thiago Larghi venceram o compromisso por 5×3.

Quem esteve entre os titulares atleticanos no treinamento foi o lateral-direito Patric. Ele participou de 60 minutos do jogo e contribuiu com uma assistência para o gol do atacante Denilson. O camisa 29 do Galo elogiou o desempenho do time no sucesso. “Foi um jogo-treino importante para irmos readquirindo nosso melhor ritmo. Enfrentamos uma garotada de muita qualidade e conseguimos apresentar um bom futebol. Individualmente, pude ajudar bem na marcação e quando subi ao ataque contribui com uma assistência para gol. O Atlético vem mostrando ser um time forte pelos dois lados de campo. No direito, a cada treinamento estamos tendo um encaixe bacana entre eu, Elias e o Chará”, analisou o jogador que tem 79% de aproveitamento neste Brasileirão e com ele em campo o Galo marcou 18 gols e “tomou” 10 tentos.
Foto: Bruno Cantini/Atlético Mineiro 

Com 23 pontos, o Atlético Mineiro entrou na pausa do Campeonato Brasileiro para o período da Copa do Mundo na vice-liderança da Série A. O Galo chegou a esse posto graças a uma reação nas últimas rodadas que culminaram numa trinca de vitórias diante do América Mineiro, Fluminense e Ceará.

Somando Série A e Copa do Brasil, Patric está invicto há nove jogos pelo Atlético Mineiro, na sua maior série sem perder pelo time alvinegro. Até hoje, o recorde do jogador são 12 partidas de invencibilidade quando defendeu o Coritiba. Patric quer aproveitar a intertemporada treinamento até o retorno do Brasileirão para se preparar bem visando o segundo semestre. “Dos 38 jogos do Atlético Mineiro no ano eu atuei em 25. Venho tendo uma sequência importante. Está sendo um ano especial, consegui ultrapassar a marca de 200 vitórias na carreira, sendo que 70 delas foram na Série A. Vivo um período de invencibilidade e quero alongar ainda mais essa marca para ajudar o Atlético Mineiro, que tem objetivos gigantes no restante da temporada”, concluiu.
Tecnologia do Blogger.