Com recepção calorosa, Seleção Brasileira desembarca no Rio

Foto:AFP/Divulgação
Eliminada da Copa do Mundo da Rússia, a Seleção Brasileira já está em casa. Neste domingo, por volta das 6 horas (de Brasília), o avião que trouxe parte da delegação pousou no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro.

Entre os jogadores, apenas Philippe Coutinho, Casemiro, Gabriel Jesus, Douglas Costa, Pedro Geromel e Taison estavam no voo que partiu de São Petersburgo e fez escala em Madri, na Espanha. A maioria do elenco, que atua e mora na Europa, deixou a Rússia por conta própria. Neymar era esperado no desembarque, mas não apareceu junto ao grupo.

Embora tímida, a recepção foi calorosa. No salão de desembarque, a delegação foi aplaudida pelos poucos torcedores vestidos com a camisa da Seleção e pelas pessoas que já se encontravam no local. Philippe Coutinho e Tite foram os mais assediados.

O jogador parou para tirar fotos e dar autógrafos para os fãs. Já o técnico acenou para os torcedores, agradeceu o apoio e atendeu a imprensa rapidamente.

“Tenho orgulho em poder transmitir alguma coisa boa. Só retribuir o carinho que eles estão nos proporcionando. Quero de coração agradecer a eles todos. Obrigado”, disse. Em seguida, já no banco de passageiro de um carro, o treinador resumiu a campanha do Brasil na Copa: “O futebol tem o ganhar mais do que o resultado do campo”.

Tite, que ainda não decidiu se permanecerá no cargo, tem uma proposta da CBF para comandar a Seleção por mais quatro anos. Após o revés por 2 a 1 para a Bélgica, o treinador disse que era “inapropriado” para falar sobre o seu futuro e pediu um tempo para refletir.

Com ou sem Tite, o Brasil já tem um compromisso marcado para o segundo semestre. Trata-se de um amistoso contra os Estados Unidos, em Nova York, previsto para o dia 8 de setembro.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.