Federer vence a vai às oitavas em Wimbledon

(Foto: Glyn Kirk/AFP)
Nesta sexta-feira, Roger Federer deu mais um passo em busca do seu novo título de Wimbledon. Diante do alemão Jan-Lennard Struff, número 64 do mundo, o suíço manteve a invencibilidade de sets e não teve dificuldades para vencer com parciais de 6/3, 7/5 e 6/2. Com a vitória, Federer vai às oitavas do torneio, e agora enfrenta o francês Adrian Mannarino, cabeça de chave 22.

Federer foi superior no primeiro set. Struff estava preocupado em se garantir no serviço, mas viu o seu adversário conseguir um forehand na paralela e uma passada cruzada de backhand para abrir a única janela e fechar a primeira parcial em 24 minutos.

No segundo set, não foi possível observar uma superioridade tão grande de Federer, e o equilíbrio prevaleceu. Struff jogou mais perto da linha, e conseguiu levar até o 5/5. A partir daí, contudo, o suíço conseguiu colocar mais devoluções. Com apenas três erros, conseguiu a quebra com uma passada em slice e fechou a segunda parcial em seguida.

No terceiro set, Struff caiu de produção, e Nadal se aproveitou das falhas adversárias. O alemão perdeu o serviço no terceiro game, evitou uma quebra no quinto, mas no sétimo cometeu uma dupla falta. Assim, Federer anotou o nono ace para fechar a partida após 94 minutos.

Com a vitória, Roger Federer chega ao seu 175° triunfo em 200 partidas na grama, e torna-se o maior vencedor sobre o piso na Era Profissional, superando a marca de Jimmy Connors que durava 23 anos. Além disso, chega a 29 jogos sem perder em Wimbledon, e fica perto de quebrar o próprio recorde, que é de 34, obtido entre a terceira rodada de 2005 e a final de 2006.


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.