Régis comemora por devolver empate ao Bahia após vacilo

Fotos: Felipe Oliveira / EC Bahia
O meia Régis teve participação nos dois gols que saíram nos acréscimos no empate por 2 a 2 entre Bahia e Atlético-MG, na noite desta segunda-feira, na Fonte Nova. Aos 46 minutos, o jogador de 25 anos errou uma finalização que proporcionou ao time mineiro um contra-ataque fulminante, culminando em um gol do centroavante Ricardo Oliveira. Aos 48, ele mesmo chutou para a rede e igualou o placar novamente para os donos da casa.

“Estou feliz por jogar e ajudar a equipe. Naquele contra-ataque, acabei tentando concluir a jogada, e eles fizeram o gol. Mas fui abençoado por Deus em seguida, com o gol de empate”, comentou Régis, que comemorou bastante, ajoelhado e com os braços erguidos aos céus, a sua rápida volta por cima.

O resultado levou o Bahia aos 17 pontos ganhos, fora da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Na quinta-feira à noite, o time dirigido por Enderson Moreira retornará à Fonte Nova para enfrentar o Palmeiras, mas por outra competição, a Copa do Brasil.

“Conquistamos um ponto importante hoje. Jogar contra o Atlético, que está brigando na parte de cima da tabela, não é fácil. Agora, vamos nos preparar porque teremos uma decisão muito importante na quinta-feira”, afirmou Régis.
Tecnologia do Blogger.