Brasil passa em branco no segundo dia do GP de Budapeste de judô

 (Foto: Divulgação/IJF)
Depois do bom resultado com o ouro de Rafaela Silva no primeiro dia do Gran Prix de Budapeste, o Brasil passou em branco neste sábado. Foram seis brasileiros subindo no tatame, mas nenhum alcançou um lugar no pódio, tendo um dia para esquecer, com o atleta que mais avançou chegando apenas às oitavas de final.

João Macedo, na categoria até 81kg estreou contra o romeno Vlad Visan na estreia e bateu o espanhol Jose Maria Mendiola Izquieta na segunda rodada. Pelas oitavas, o brasileiro ficou pelo caminho ao enfrentar japonês Kohara, perdendo por um waza-ari a zero. Pela mesma categoria, Leandro Guilheiro venceu o húngaro Mate Iklodi na primeira rodada, mas com quatro punições na luta contra o belga Sami Chouchi, deu adeus à competição.

Ainda no masculino, Marcelo Contini, na categoria até 73kg não conseguiu passar pela estreia ao sofrer quatro punições diante do italiano Giovanni Esposito. Já Lincoln Neves venceu o suíço Nils Stump na estreia, para em seguida, levar um estrangulamento e um ippon do canadense Arthur Margelido.

No feminino, mesmo estreando já na segunda rodada, Ellen Santana e Amanda Oliveira não conseguiram chegar às oitavas, na categoria até 70kg. Ellen não passou da russa Alena Prokopenko, enquanto Amanda caiu para a dinamarquesa Emilie Sook. Já Yanka Pascoalino, até 63kg, venceu a húngara Daniella Balogh na estreia da categoria até 63kg, mas perdeu por punições para a polonesa Agata Ozdoba-Blach na segunda rodada


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.