Cássio evita goleada do Timão em derrota para Colo-Colo na Libertadores

Foto:CLAUDIO REYES/AFP
Em excelente noite de Cássio, o Corinthians perdeu para o Colo-Colo por apenas 1 a 0 no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, nesta quarta-feira em Santiago, jogando com um a menos desde o início da segunda etapa.

Carlos Carmona fez o gol do time chileno, aos 37 minutos do primeiro tempo. O arqueiro brasileiro evitou prejuízo maior fora de casa com grandes defesas na volta do intervalo, depois da equipe ceder espaços por conta da expulsão de Gabriel aos 8 minutos.

A partida de volta vai ser disputada na Arena Corinthians dia 28 de agosto, às 21:45h pelo horário de Brasília.

Se vencer em casa por 1 a 0, a partida vai para a disputa por pênaltis, mas qualquer outra vitória por um gol por diferença é favorável ao time chileno por conta do gol marcado fora de casa. Vitórias por dois ou mais gols de diferença garantem o Timão nas quarta de final.

- Domínio chileno -

O Corinthians começou bem a partida fora de casa, trocando passes e buscando jogadas diretas no ataque. Mas o time da casa equilibrou o jogo e começou a dominar a partir dos 20 minutos, chegando com perigo ao gol de Cássio aos 25 e 33 minutos.

Aos 37, Opazo apareceu pelo lado direito e cruzou com perfeição para Barrios, que parou na defesa do arqueiro. No rebote, Carmona apareceu solto dentro da área para mandar uma bomba e estufar as redes do Timão, abrindo o placar para os anfitriões.

Apesar de demonstrar boa postura nos minutos iniciais, o Timão foi amplamente dominado durante toda a primeira etapa, aparentando nervosismo sendo ineficiente no ataque. Lá atrás, poderia ter ido para o intervalo com desvantagem ainda maior, não fossem as defesas de Cássio.

- Cássio evita goleada -

Na volta do segundo tempo, o Corinthians não mudou de postura e ficou sem conseguir criar jogadas do meio para a frente. Para piorar, Gabriel fez falta aos oito minutos e levou o segundo cartão amarelo, indo para o chuveiro mais cedo do que o previsto.

Com um a menos, o Timão tentou se contentar com a desvantagem mínima para tentar evitar uma hecatombe que pudesse complicar a classificação no jogo de volta. Osmar Loss fechou o time com duas linhas de quatro defensores e apostou na velocidade do jovem Pedrinho para tentar um contragolpe.

Mas o Colo-Colo continuou melhor e quis aumentar sua vantagem. Aos 23 minutos, os chilenos reclamaram muito de toque de mão de Danilo Avelar após cruzamento de Fierro pelo lado direito, mas o árbitro mandou o jogo seguir.

Aos 41 minutos, Valdés arriscou de fora da área e parou na defesa de Cássio. No rebote, Pérez recebeu a bola de presente com total liberdade dentro da área, mas acabou mandando pelo alto.

Um minuto depois, Cássio fez milagre ao defender chute de bate pronto de Barrios dentro da pequena área. Aos 45, o goleiro corintiano voltou a evitar o segundo gol chileno defendendo chute de Pérez, assegurando a derrota mínima para o Corinthians fora de casa.

A derrota saiu barata para o Corinthians, que não teve boa atuação no Chile.

FICHA TÉCNICA 
COLO COLO 1 X 0 CORINTHIANS

Local: Estádio Monumental, em Santiago (Chile)
Data: 8 de agosto de 2018, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Wilmar Roldan (Colômbia)
Assistentes: Alexander Guzman e John Alexander Leon (ambos da Colômbia)
Cartões amarelos: Carmona, Opazo, Baeza, Insaurralde, Zaldivia (Colo-Colo); Gabriel, Douglas, Pedrinho (Corinthians)
Cartão vermelho: Gabriel (Corinthians)
Gols:
COLO-COLO: Carmona, aos 38 minutos do primeiro tempo

COLO-COLO: Orión; Opazo (Fierro), Zaldivia, Insaurralde e Barroso; Carmona (Valdes), Pérez, Baeza e Valdivia; Barrios e Paredes
Técnico: Hector Tapia

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Henrique (Carlos Augusto) e Danilo Avelar; Gabriel e Douglas; Pedrinho, Romero, Jadson (Léo Santos) e Clayson (Emerson Sheik)
Técnico: Osmar Loss


Fonte:Gazeta Esportiva
Tecnologia do Blogger.