Gilberto marca, Bahia vence o América-MG na Fonte Nova e ganha posições no Brasileirão

O Bahia vinha fazendo boas partidas, mas não conseguiu vencer os últimos quatro jogos.

Fotos: Felipe Oliveira / EC Bahia
O Bahia venceu o América, por 1 a 0, na noite deste sábado, na Arena Fonte Nova, em duelo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo marcou o reencontro do técnico Enderson Moreira com o Coelho, seu clube até a parada para a Copa do Mundo.

Gilberto marcou o único gol do duelo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. É a quinta vez que ele balança as redes em seis jogos disputados com a camisa do Esquadrão de Aço.

Com o resultado, o Tricolor subiu, neste momento, para a 11ª colocação na tabela de classificação ao chegar na soma dos 21 pontos. Com a mesma pontuação, o Coelho segue na décima posição. O time mineiro tem um triunfo a mais do que a equipe baiana e por isso está na frente.


Fotos: Felipe Oliveira / EC Bahia
Na próxima rodada, o Bahia vai a Belo Horizonte enfrentar o Cruzeiro, no domingo, às 16h (de Brasília), no Mineirão. O América recebe o Fluminense, no Independência, no mesmo dia, mas às 19h.

Primeiro tempo

O Bahia começou comandando as ações de ataque. A equipe conseguia ser agressiva e marcava a saída de jogo do Coelho.

O América, porém, está mais astuto com a chegada do técnico Adilson Batista. O time alviverde não sente a pressão de ser atacado – foi assim contra o Santos e Palmeiras. Diante disso, o Coelho fechava todos os espaços, não deixava o time da casa chegar.

Com a proposta de jogar mais nos contra-ataques, o América conseguiu uma grande oportunidade aos 9 minutos. Em lançamento rápido para Ruy, o goleiro do Bahia precisou largar a meta para tirar a redonda.

Quando o duelo passou dos 15 minutos, o América passou a segurar mais a bola nos pés. O time de Adilson Batista trocava passes com tranquilidade, valorizando a posse de bola. O Bahia seguia com sua postura de pressionar a saída de jogo.
Fotos: Felipe Oliveira / EC Bahia

Aos 22, o Bahia chegou com grande perigo. Em cruzamento da esquerda, Gilberto desvia de cabeça e a bola sobra para Edigar Junio. Ele chuta, mas estava desajeitado e a bola passou por cima.

No fim do primeiro tempo a partida perdeu qualidade. As equipes estavam mais desgastadas e a postura do América dificultava bastante o jogo baiano.

Segundo tempo

O Bahia voltou com ampla superioridade na etapa complementar. A equipe da casa tinha a bola nos pés e conseguia avançar nas linhas para agredir o Coelho.

A casa do América caiu aos 9 minutos. Em cobrança de escanteio, Tiago desviou na primeira trave. O goleiro João Ricardo fez a defesa, mas soltou à redonda. Gilberto, atento, dentro da pequena área, chutou com a perna esquerda e mandou para o fundo das redes.

Mesmo após o gol, o América não conseguiu chegar com qualidade ao ataque. O Bahia aproveitava da situação para criar e tentar algo maior.

No finalzinho o Bahia teve uma grande oportunidade. Em contra-ataque rápido, Vinícius teve a chance, mas o goleiro João Ricardo salvou cara a cara.


Bahia abre o placar
Gilberto mostrou o faro de gol aos nove minutos. Na cobrança de escanteio de Vinicius, Tiago subiu bem, se antecipando aos zagueiros do América e cabeceou para o gol. João Ricardo bateu roupa e a bola sobrou para o camisa 9 fuzilar e inaugurar o placar. Bahia 1x0 América-MG.

Em desvantagem no placar, o América acordou na partida. Aos 16, Ruy recebeu na intermediária, dominou, olhou e bateu para o gol. Bem posicionado, Anderson fez uma bela defesa mandando para escanteio e evitando o empate mineiro.

O Bahia apresentou uma jogada ensaiada aos 27 minutos. Élber recebeu a falta e Vinícius foi para a cobrança. Ao invés de levantar a bola no miolo da área, ele inverteu para Léo, que estava próximo da meia-lua fora do bolo. O lateral bateu de primeira, mas João Ricardo fez a defesa.

Aos 36, Anderson deixou a torcida do Tricolor apreensiva. Ele saiu mal para cortar uma bola levantada na área. Com o gol vazio, Giovanni pegou sobra, mas finalizou mal e mandando a pelota por cima da trave.

Vinicius perdeu um gol feito aos 48 minutos. Ele recebeu o passe e desceu livre sem marcação. Cara a cara com João Ricardo, ele escolheu o canto, mas bateu para fora.

FICHA TÉCNICA
BAHIA 1 X 0 AMÉRICA-MG

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 11 de agosto de 2018, sábado
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Pericles Bassols Cortez (PE)
Assistentes: Clovis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)

Gols: Gilberto, aos 9 minutos do segundo tempo (Bahia)
Cartões: Renan Oliveira, Wesley, Messias, Leandro Donizete (América); Tiago (Bahia)

BAHIA: Anderson; Bruno (Nino Paraíba), Tiago, Lucas Fonseca, Léo, Flávio, Elton, Vinicius, Zé Rafael, Edigar Junio, Gilberto (Elber)
Técnico: Enderson Moreira

AMÉRICA-MG: João Ricardo, Paulão (Renan Oliveira), Messias, Matheus Ferraz e Carlinhos; Juninho, Wesley (Judivan), Leandro Donizete, Gerson Magrão e Ruy; Giovanni
Técnico: Adilson Batista
Tecnologia do Blogger.