Vitória sai na frente, mas sofre o empate diante do Cruzeiro no Barradão

FOTOS: MAURICIA DA MATTA / EC VITORIA
Na tarde deste domingo, o Vitória recebeu o Cruzeiro e ficou no empate em 1 a 1. A partida foi disputada no Barradão e válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Os gols saíram no segundo tempo. Neilton abriu o placar para o Leão e Manoel igualou o marcador para a Raposa. A partida entre as duas equipes foi válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Leão chegou aos 19 pontos e segue, neste momento, na 14ª colocação na tabela de classificação do Brasileiro. A Raposa somou 25 e também não saiu do lugar permanecendo na oitava posição. O próximo compromisso do Vitória será contra o Grêmio, pela 18ª rodada do Brasileirão. A partida acontece no domingo (12), às 19h, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

O JOGO

A partida começou com o Vitória dominando mais a bola e tentando tomar a iniciativa partindo para cima, mas sem conseguir levar perigo ao gol cruzeirense. Enquanto os visitantes esperavam e jogavam em cima dos contra-ataques.

Walter Bou desperdiçou um presentão dado pelo Murilo. O cruzeirense recuou mal e o argentino, que estava atento, ficou com a bola e saiu sozinho na frente de Rafael. O camisa 9 rubro-negro tocou na saída do goleiro, que fez boa defesa evitando que os donos da casa abrissem o placar no Barradão aos 17 minutos.

A resposta do Cruzeiro veio com David aos 22. O atacante recebeu de Lucas Romero que fez boa jogada. Ele dominou e bateu colocado na entrada da grande área. A bola tirou tinta do ângulo da trave esquerda de Ronaldo e foi para fora.

O Cruzeiro começou a crescer no jogo ao passar a tocar a bola. Rafael Sobis carimbou a trave direita de Ronaldo. Ele recebeu passe de Mancuello e saiu de cara com o goleiro do Leão. Na sequência, Mancuello recebeu na entrada da área e arriscou o chute rasteiro no mesmo canto direito. Ronaldo espalmou para frente e David dominou, mas estava em posição de impedimento e a jogada foi paralisada.

Após a volta da parada técnica. Por pouco a falha de Ronaldo não é transformada em gol adversário. Aos 35 minutos, Mancuello bateu direto na cobrança de falta e o goleiro do Leão tentou encaixar, mas soltou no miolo da pequena área, nos pés de Bruno Silva. O volante chutou, mas Aderllan salvou a torcida rubro-negra. Em outra cobrança de falta, aos 38, Rafael Sobis bateu firme, por cima da barreira, mas Ronaldo fez boa defesa.

Segundo tempo

Sem alteração, os dois times retornaram do vestiário para a etapa final. Logo aos quatro minutos, o argentino Bou quase se redimiu do gol perdido no tempo inicial. Ele aproveitou cruzamento de Aderllan, vindo da direita e cabeceou com perigo. A bola passou perto da trave esquerda de Rafael e foi para fora.

A resposta do Cruzeiro veio aos nove com Sobis carimbando novamente a trave. Ele recebeu na área, girou e arriscou o chute. A bola explodiu no travessão de Ronaldo. No minuto seguinte, após cobrança curta de escanteio, Sobis tocou para Mancuello, que bateu de fora da área. A bola passou perto da trave esquerda do goleiro rubro-negro.

Aos 13, o Vitória quase inaugurou o marcador. Após confusão no miolo da área, Yago chutou e Rafael espalmou fazendo a defesa. No rebote e com o goleiro ainda no chão, Neilton mandou na trave desperdiçando uma boa chance.

Na blitz do Vitória aos 21 minutos, Rafael evitou o gol de Bou. Bruno Silva saiu errado e o argentino recebeu na entrada da área. Ele arriscou o chute rasteiro e o goleiro cruzeirense fez outra boa defesa. No minuto seguinte, Erick arriscou o chute rasteiro no canto direito e o arqueiro do time mineiro espalmou para escanteio.

Gol do Leão
Aos 25 minutos, Neilton invadiu a grande área e foi parado com falta por Murilo. O árbitro assinalou a penalidade máxima. Neilton foi para a cobrança batendo no canto direito e deslocou Rafael aos 26. Vitória 1x0 Cruzeiro

Empate da Raposa
O Cruzeiro chegou ao empate quatro minutos depois. Arrascaeta cobrou a falta pela esquerda e Manoel subiu sozinho na grande área e cabeceou para o fundo do gol de Ronaldo. Vitória 1x1 Cruzeiro

Walysson fez boa jogada pela esquerda e soltou a bomba para o gol. Rafael espalmou a pancada para o escanteio e evitou o gol do Leão, aos 42.

A resposta cruzeirense veio dois minutos depois. Arrascaeta cobrou o escanteio e, novamente, Manoel sobe mais do que a marcação e manda para o fundo das redes. Mas a arbitragem anula o tento.

FICHA TÉCNICA
Vitória 1 x 1 Cruzeiro
Campeonato Brasileiro – 17ª rodada
Local: Barradão, em Salvador
Data: 05/08/2018 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa/RJ) e Leone Carvalho Rocha (GO)
Assistentes adicionais:  Breno Vieira Souza (GO) e Bruno Rezende Silva (GO)
Cartão amarelos: Marcelo Meli, Arouca, Erick (Vitória) / David, Murilo, Bruno Silva, Marcelo Hermes, Arrascaeta (Cruzeiro)
Gols: Neilton (Vitória) / Manoel (Cruzeiro)

Vitória: Ronaldo; Jeferson, Ruan Renato, Aderllan e Bryan; Marcelo Meli (Erick), Fillipe Soutto, Arouca e Yago (Lucas Fernandes); Neilton (Walysson) e Walter Bou. Técnico: João Burse (interino).

Cruzeiro:  Rafael; Ezequiel, Manoel, Murilo e Marcelo Hermes; Ariel Cabral, Bruno Silva (Rafinha), Lucas Romero e Mancuello; Rafael Sobis (Arrascaeta) e David (Raniel). Técnico: Mano Menezes.
Tecnologia do Blogger.