Cristiano Ronaldo saiu do Real Madrid pois não se sentia respeitado pelo clube, diz jornal - Atividade Esporte News
⚽Notícias

30 setembro 2018

Cristiano Ronaldo saiu do Real Madrid pois não se sentia respeitado pelo clube, diz jornal

Foto: Pierre-Philippe Marcou/AFP)
Após nove anos, Cristiano Ronaldo saiu do Real Madrid para defender a Juventus, uma decisão que deixou os torcedores confusos, uma vez que o português havia acabado de conquistar a Liga dos Campeões pela terceira vez seguida com o time merengue. Neste domingo, o jornal espanhol El Mundo divulgou bastidores da transferência, garantindo que a saída de CR7 se deu sobretudo pelo fato do jogador não se sentir suficientemente respeitado pelo clube madrilenho.

De acordo com a publicação, tudo começou quando Cristiano Ronaldo foi acusado de fraude fiscal pela Fazenda espanhola. Na oportunidade, o gajo ficou irritado com o presidente do Real, Florentino Pérez, que lhe negou ajuda no caso, e mostrou-se insatisfeito com os seus assessores, que não lhe deram o respaldo necessário.

Na sequência, no final da temporada 2016/17, o clube ofereceu uma proposta de renovação de contrato que não agradou Ronaldo. Na visão do atacante, os valores eram insuficientes, sobretudo pelo fato de serem inferiores às cifras recebidas por Messi e Neymar, ambos do Barcelona na época. A partir daí, Cristiano passou a pensar seriamente em deixar o clube, e a sua relação com Florentino Pérez foi ficando cada vez mais desgastada.

Também pesou na decisão do português o fato do Real Madrid considerar Di Stéfano o maior jogador de sua história, mais um motivo para CR7 se sentir “desvalorizado” dentro do clube. Diante desse cenário, a equipe merengue foi enfrentar a Juventus pela Liga dos Campeões, e Cristiano Ronaldo marcou um antológico gol de bicicleta que provocou aplausos da própria torcida bianconera. O episódio influenciou emocionalmente o atacante, que posteriormente não hesitou em aceitar a proposta oferecida pelo time italiano.


Fonte:Gazeta Esportiva
 
Back To Top