Red Bull exclui Ricciardo de reuniões: 'Não queremos que ele leve nada para a Renault

Helmut Marko confirmou que Daniel Ricciardo vai continuar com a Red Bull até o fim da temporada e que vai receber normalmente as informações do desenvolvimento do carro para Singapura, mas depois vai ‘esconder o jogo’ do australiano, de partida para a Renault em 2019

Daniel Ricciardo (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
A Red Bull já começa a trabalhar de olho em 2019 e, consequentemente, sem Daniel Ricciardo. De partida para a Renault após a surpreendente saída da escuderia tetracampeã do mundo, o piloto australiano está excluído de qualquer reunião de planejamento para o futuro. Quem garante é Helmut Marko, consultor da Red Bull.

O principal objetivo da equipe baseada em Milton Keynes é impedir que Ricciardo leve alguns dos segredos do novo carro para sua futura equipe. Em 2019, Daniel vai ser substituído por Pierre Gasly, cria do programa de desenvolvimento de pilotos da Red Bull.

“A partir de Singapura, Daniel está excluído de qualquer reunião que diga respeito ao futuro. Já estamos trabalhando em direção a 2019 e não queremos que ele leve nada para a Renault”, comentou o dirigente austríaco em entrevista veiculada pelo jornal alemão ‘Bild’.

Contudo, Marko ressaltou que Ricciardo vai continuar na equipe até o fim do contrato e que, ao menos para o GP de Singapura, não vai ter nenhuma restrição a respeito dos dados do carro. Tudo porque a Red Bull acredita que pode vencer na cidade-estado neste domingo.

“Daniel vai terminar a temporada conosco. Ele vai receber todas as informações em Singapura porque pode ser nossa última chance de vencer neste ano”, complementou.


Fonte:Grande Premio
Tecnologia do Blogger.