No aniversário do Barradão, Vitória e Bahia se enfrentam pelo Campeonato Brasileiro - Atividade Esporte News
⚽Notícias

11 novembro 2018

No aniversário do Barradão, Vitória e Bahia se enfrentam pelo Campeonato Brasileiro

 Fotos: Felipe Oliveira / EC Bahia
O Barradão completa 32 anos neste domingo (11) e justamente em uma data especial, o estádio será palco de mais um Ba-Vi. O duelo acontece às 16h (horário de Salvador), válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Vitória vive uma situação ruim no Brasileirão. O time rubro-negro tem 34 pontos e ocupa a 17ª posição e precisa de um triunfo para respirar na tabela. Ciente da necessidade de um resultado positivo, o meia Yago pediu atenção redobrada.

“Clássico é definido em detalhes. Em alguns, você está bem no jogo, vacila em determinada situação e acaba se complicando. A gente está bem concentrado em relação aos detalhes, para não errar, como erramos. É um jogo que vai decidir nosso futuro no campeonato. Se conseguirmos uma vitória em um jogo especial como esse, melhora a confiança, o astral, então tenho certeza que a galera está animada para esse jogo”, afirmou o jogador.

O técnico João Burse, que estava no comando do time sub-23 do Vitória, assumiu a equipe principal após a demissão de Paulo Cézar Carpegiani. O novo comandante vê o grupo focado para buscar o triunfo sobre o arquirrival.

“Não temos outro caminho senão esse. A responsabilidade é enorme nesses jogos que faltam, começando pelo Ba-Vi. Os atletas estão extremamente focados, concentrados, treinando em alta. Isso é importante. Independente de quem vai jogar, todos estão se ajudando e se motivando. Eu sempre jogo para vencer. Estou colocando esse DNA para eles, para que eles possam, juntos, ir em busca da vitória. Esse é o primeiro passo para a nossa retomada”, destacou.

De volta após cumprir suspensão na rodada anterior, Lucas Ribeiro disputará o seu primeiro Ba-Vi como profissional. O jogador se diz tranquilo para o confronto.

“É um jogo muito bom, clássico. Mas [jogo] sem ansiedade, tranquilo, como se fosse um jogo normal”, garantiu.

No 13º lugar, com 40 pontos, o Bahia pensa em tirar qualquer possibilidade de rebaixamento, além de se aproximar da parte de cima da tabela. Apesar do momento mais confortável, o Tricolor não subestima o arquirrival. 

"Independente de qualquer pontuação, é um jogo especial e vai ser sempre. Muito respeito ao adversário pela qualidade de seus atletas, do treinador que tá assumindo, do Carpegiani... Vai ser um jogo decidido no detalhe pela necessidade das duas equipes conquistarem os três pontos", declarou o técnico Enderson Moreira. 

Na opinião do volante Nilton, a equipe tem que aproveitar ao máximo as oportunidades de gol que possam surgir durante os 90 minutos.

"Tem que ser cirúrgico. As oportunidades que aparecerem, tem que ser concluídas em gol. Tivemos jogos que tivemos oportunidade, mas não definimos, e as equipes sempre fazendo gols, e nós sempre correndo atrás. Tivemos muitos jogos dessa forma, inúmeras oportunidades que não concluímos e acabamos tomando. Mentalmente também, por se tratar de clássico, você tem uma concentração diferente, é um jogo que você pode distanciar ou eles aproximarem, então tem que estar conscientes nos movimentos em campo para não estar se arrependendo depois", declarou.

Para o jogo, o Bahia terá o goleiro Douglas, que chegou a ser suspenso pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela expulsão contra o Vasco, na 26ª rodada, mas o clube recorreu e conseguiu o efeito suspensivo. Quem também pode reaparecer é o atacante Gilberto, recuperado de um problema no joelho.

FICHA TÉCNICA
Vitória x Bahia
Campeonato Brasileiro – 33ª rodada
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Horário: 16h (de Salvador)
Data: 11/11/2018 (domingo)
Árbitro:  Luiz Flávio de Oliveira (Fifa/SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
Assistentes adicionais: Thiago Luis Scarascati (SP) e Adriano de Assis Miranda (SP)

Vitória: Ronaldo; Jeferson, Ramon, Lucas Ribeiro e  Marcelo Benítez; Willian Farias, Arouca e Léo Gomes; Neilton, Yago (Erick) e André Lima (Léo Ceará). Técnico: João Burse.

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Jackson, Lucas Fonseca e Léo; Nilton e Gregore; Elber, Ramires e Zé Rafael; Edigar Junio (Gilberto). Técnico: Enderson Moreira.


Fonte:Bahia Notícias
 
Back To Top