Sábado, 23 de março de 2019
71 9 8135 4773
Estaduais

16/03/2019 às 18h00 - atualizada em 16/03/2019 às 19h20

109

Atividade Esporte News

Salvador / BA

Cruzeiro bate o Tupi e segue Invicto no Campeonato Mineiro
Cruzeiro ampliou a marca ao vencer o Tupi por 3 a 0 na tarde deste sábado, 16 de março, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora.
Cruzeiro bate o Tupi e segue Invicto no Campeonato Mineiro
Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Invicto na temporada, o Cruzeiro ampliou a marca ao vencer o Tupi por 3 a 0 na tarde deste sábado, 16 de março, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora. O confronto foi válido pela 10 ª rodada do Campeonato Mineiro. 


O primeiro gol celeste foi contra, com Aislan, do Tupi, cabeceando para trás e deixando o goleiro Vilar sem reação com apenas um minuto de compromisso. A Raposa ampliou o placar com Fred, de pênalti, aos 20 minutos também da primeira etapa. Egídio, em uma bela cobrança de falta, fechou o marcador para o clube estrelado aos 38 da etapa final. 


Com o resultado, o Cruzeiro chega a 22 pontos e conquista a segunda posição da tabela. A próxima partida dos comandados de Mano Menezes pelo torneio estadual é na próxima quarta-feira, às 21h30, contra a Caldense, no Mineirão.


O jogo


Com força máxima em campo, o Cruzeiro logo já começou o jogo mostrando sua força contra o Tupi, com bons toques de bola da Raposa. Logo no primeiro minuto de duelo, Robinho lançou a bola para a área e, com a pressão celeste, Aislan cabeceou contra o próprio gol: Cruzeiro 1 x 0. 


Cinco minutos depois, o time cinco estrelas novamente chegou com perigo. Pelo lado esquerdo, Rodriguinho chegou livre, lançou a bola para Rafinha, que bateu de primeira, mas mandou para fora. 


A primeira chegada de maior destaque do Tupi só aconteceu aos 18 minutos. Pablo se apresentou pelo lado direito, cruzou, mas Fábio saiu com segurança e ficou com a bola. 


No lance consecutivo, o Cruzeiro saiu em direção ao ataque e, já dentro da área, Guilherme tocou na bola e tirou Henrique do lance. O árbitro marcou pênalti para o clube estrelado, que foi cobrado e anotado por Fred: Cruzeiro 2 x 0. 


Quando eram decorridos 37 minutos, Egídio cobrou falta sofrida por Robinho e o Cruzeiro quase ampliou o placar novamente. O goleiro Vilar deu um toque suave na bola, que desviou seu caminho e explodiu na trave. 


Etapa final


Mesmo com o placar já de 2 x 0, o Cruzeiro voltou para o segundo tempo buscando ampliar ainda mais o marcador. Aos 7 minutos, Marquinhos Gabriel disparou em direção ao gol, tocou para Robinho, que tocou para dentro da área, mas a chance não foi aproveitada. 


Em mais uma importante jogada de Marquinhos Gabriel, o camisa 20 chegou pelo lado esquerdo aos 14 minutos e deu o passe para o artilheiro Fred. O camisa 9 tocou de letra, mas a trave novamente salvou a equipe do Tupi de sofrer um belíssimo gol. 


Novamente, a dupla Marquinhos Gabriel e Fred apareceu bem, dessa vez aos 22. O meia cruzou na cabeça do atacante, que mandou para o fundo do gol. A arbitragem entendeu como impedimento e anulou o tento. 


E já no fim do jogo, aos 38 minutos, Egídio marcou um golaço para o Cruzeiro. Em cobrança de falta perfeita, o camisa 6 lançou a bola por cima da barreira, sem chances para o goleiro Vilar, que nem se mexeu. Tupi 0 x 3 Cruzeiro.  


TUPI 0 X 3 CRUZEIRO


Motivo: 10ª rodada do Campeonato Mineiro 


Data: 16/03/2019 (sábado) 


Local: Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora-MG


Árbitro: Jerferson Antônio da Costa


Gols: Aislan (TUPI – CONTRA), a 1 min do 1ºT; Fred (Cruzeiro), aos 20 min do 1º T; Egídio (Cruzeiro), aos 38 min do 2º T 


Cruzeiro: Fábio; Edilson, Léo, Dedé e Egídio; Henrique, Lucas Romero, Rafinha (Marquinhos Gabriel), Robinho (David) e Rodriguinho (Jadson); Fred  Técnico: Mano Menezes


Tupi: Ricardo Vilar; Pablo (Fábio Henrique), Aislan, Guilherme Henrique e Lucas Sampaio; Cleiton (Washington), Rodrigo Baiano (Nélio), Leandro Brasília e Gabriel Tchó Tchó; Gabriel Costa e Romarinho  Técnico: Beto


Cartões amarelos: Aislan e Leandro Brasília (Tupi); Egídio e Henrique (Cruzeiro) 

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium