Sábado, 23 de março de 2019
71 9 8135 4773
Fórmula 1

17/03/2019 às 08h39 - atualizada em 17/03/2019 às 09h33

110

Atividade Esporte News

Salvador / BA

Bottas surpreende Hamilton e abre 2019 com vitória na Austrália
Valtteri Bottas surpreendeu, deu o bote em Lewis Hamilton na largada e venceu o GP da Austrália. Irreconhecível depois de um grande sábado, o pentacampeão viu o companheiro de equipe abrir caminho e vencer de forma perfeita na abertura da temporada e, de quebra, com a melhor volta da prova. Max Verstappen levou a Red Bull ao pódio, o primeiro da Honda desde que voltou à F1, em 2015. E a Ferrari decepcionou
Bottas surpreende Hamilton e abre 2019 com vitória na Austrália
Foto:AFP

A temporada de 2019 da Fórmula 1 começou como terminou a de 2018: com a Mercedes vencendo. Na madrugada deste domingo, contudo, foi Valtteri Bottas que, com propriedade, venceu o Grande Prêmio da Austrália, no circuito de Albert Park em Melbourne. Com isso, o finlandês volta a vencer depois de mais de um ano, uma vez que seu último triunfo havia sido na última corrida da temporada de 2017, em Abu Dhabi.


Favorito após liderar todos os treinos e largar na pole-position, Lewis Hamilton, companheiro de equipe de Bottas, ficou na segunda colocação, ao passo que Max Verstappen, da Red Bull, completou o pódio.


Com isso, Bottas assume a liderança do mundial de pilotos, com 26 pontos ganhos. Hamilton vem logo atrás, com 18, e Verstappen fecha em terceiro, com 16. Vettel, com 12 pontos ganhos, e Leclerc, com 10, completam o top-5.


O próximo compromisso da Fórmula 1 é daqui duas semanas, nos dias 29, 30 e 31 de março, com o Grande Prêmio do Bahrein, no Oriente Médio.


Logo na largada, Daniel Ricciardo, que corria em casa, passou por cima da grama e teve problemas no carro. Companheiros de equipe, Vettel e Leclerc ficaram muito perto de um choque também no início. Na parte da frente do grid, Valtteri Bottas assumiu a liderança, deixando Hamilton para trás. Com um início arrasador, o finlandês disparou na frente, e, de cara, abriu quatro segundos para o companheiro de equipe, segundo colocado.


Na 11° volta, Carlos Sainz teve problemas com o seu carro e assustou. A McLaren do espanhol pegou fogo, e a assistência demorou um tempo incomum para atender o piloto. Após a chegada dos bombeiros, contudo, ele deixou o carro tranquilamente e abandou a corrida.


Sebastian Vettel e Charles Leclerc, dupla da Ferrari, brigava com Max Verstappen, da Red Bull, pela terceira colocação. Daniel Ricciardo não resistiu ao problema sofrido no início e foi obrigado a abandonar, e logo na sequência, Grosjean, da Haas, foi outro que enfrentou problemas com o carro. A equipe dos boxes colocou mal um dos pneus no veículo do suíço, que foi obrigado a deixar a corrida mais cedo.


Na trigésima volta, Verstappen já se firmava como terceiro colocado, deixando a dupla da Ferrari para trás. Enquanto isso, Bottas cravava uma volta mais rápida atrás da outra, chegando a abrir 25 segundos para Hamilton. O britânico, por sua vez, já ciente que a corrida já estava praticamente vencida pelo companheiro de equipe, trabalhava para garantir a segunda colocação.


Com o novo regulamento da Fórmula 1, o piloto que marcar a volta mais rápida da corrida, ganha um pouco extra (desde que ele esteja entre os 10 primeiros colocados). Pensando nisso, na penúltima volta e já com a corrida ganha, Valtter Bottas surpreendeu mais uma vez e conquistou o feito, fechando a vitória em grande estilo.


Confira a classificação completa do GP da Austrália


O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium