Sexta, 22 de fevereiro de 2019
71 988 53 9055
Copa do Nordeste

09/02/2019 às 20h10 - atualizada em 09/02/2019 às 20h41

124

Robson Silva

Água Fria / BA

Náutico e Santa empatam no primeiro clássico no novo Aflitos
Tricolor esteve duas vezes à frente do placar, mas os alvirrubros foram buscar a igualdade jogando em seus domínios
Náutico e Santa empatam no primeiro clássico no novo Aflitos
Foto: Kleyvson Santos/Folha de Pernambuco

O primeiro clássico disputado no reinaugurado Aflitos foi marcado por um bom número de gols, porém sem um lado vitorioso. Em um duelo pouco inspirado, mas que fez jus à alcunha de Clássico das Emoções, Náutico e Santa Cruz ficaram no 2x2 na noite deste sábado (9). Pipico marcou os dois gols corais, enquanto Jorge Henrique e Vitão (contra), fizeram para o Timbu. O resultado deixa a Cobra Coral em segundo lugar no grupo A, com cinco pontos, e os alvirrubros em quinto no Grupo B, com os mesmo cinco pontos.


Logo nos minutos iniciais, o Náutico partiu para o abafa, impulsionado pela torcida. A empolgação dos donos da casa não duraria muito. Logo aos sete minutos, após um erro de Jorge Henrique na frente, o Santa engatou rápido contra-ataque pela esquerda. Allan Dias mandou para o meio da área. Pipico dominou, tirou da marcação e abriu o placar, marcando o seu primeiro gols na temporada.


O Náutico buscava a reação, mas tropeçava nos próprios erros. Lucas Paraíba errava quase tudo e Jorge Henrique tinha dificuldades para dar sequência às jogadas. Numa delas, o próprio meia-atacante parou duas vezes em Ricardo Ernesto. Pouco depois, aos 26, o veterano se redimiu do erro no início do jogo. Após cruzamento de Wallace Pernambucano, Jorge Henrique apareceu na área e cabeceou para o gol.


Após o empate, o duelo ganharia contornos de tranquilidade e os lances de emoção ficaram mais escassos. A morosidade só continuaria até o início do segundo tempo. Aos cinco minutos, André Krobel saiu da lateral, foi dar o bote em Allan Dias, mas o meia tricolor encontrou Elias, livre no corredor pela direita. O atacante arrancou sem dificuldades e cruzou para Pipico, de novo ele, fazer o segundo.


A partir daí, o Timbu passou a ficar no desespero, enquanto o Tricolor apenas esperava as investidas do adversário para encaixar um contragolpe. Em meados da etapa final, Márcio Goiano tirou André Krobel e mandou Luiz Henrique para a direita. A mudança surtiu efeito imediato. Aos 22, Luiz Henrique cruzou pela direita e Vitão marcou contra o próprio gol, fechando a conta.


FICHA TÉCNICA


Náutico 2


Bruno; André Krobel (Fábio Matos), Diego Silva, Sueliton e Gabriel Araújo; Jiménez, Luiz Henrique e Lucas Paraíba; Jorge Henrique (Tiago), Robinho e Wallace Pernambucano. Técnico: Márcio Goiano


Santa Cruz 2


Ricardo Ernesto; Marcos Martins, Vitão, Danny Morais e Bruno Ré; Charles (Eduardo), Diego Lorenzi e Allan Dias; Jô (Augusto), Elias (Jeremias) e Pipico: Técnico: Leston Júnior


Local: Aflitos


Árbitro: Marielson Alves Silva (BA). Assistentes: Marcos Welb Rocha de Amorim (BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA).


Gols: Pipico, aos sete minutos do 1ºT; Jorge Henrique, aos 26 do 1ºT; Pipico, aos cinco do 2ºT; Vitão (contra), aos 22 do 2ºT


Cartões amarelos: Robinho, Sueliton, Wallace Pernambucano (N); Jô, Augusto, Charles, Marcos Martins (S)


Público: 6.017 Renda: R$ 117.544,00

FONTE: Folhape

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium