Rivalo Apostas Esportivas
Rivalo Cassino
Rivalo Apostas Esportivas
Série A

Vasco bate Internacional e vence a primeira no Brasileirão

Com o resultado, os cruzmaltinos chegaram a seis pontos, saíram da lanterna da Série A, mas seguem na zona de rebaixamento.

07/06/2019 23h22
Por: Redação AEN
84
(Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)
(Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O Vasco venceu por 2 a 1 o Internacional, nesta sexta-feira, em São Januário, e alcançou seu primeiro triunfo no Campeonato Brasileiro. Com o resultado, os cruzmaltinos chegaram a seis pontos, saíram da lanterna da Série A, mas seguem na zona de rebaixamento. Já os gaúchos permanecem com 13 pontos, na quinta posição.

No primeiro tempo, o Vasco foi superior e foi para o intervalo na frente do placar, após gols de Andrey e Tiago Reis. Na etapa final, o jogo mudou de configuração e o Internacional foi melhor. Os gaúchos ainda diminuíram com Emerson Santos, mas tiveram que se conformar com a derrota.

Na próxima rodada, o Vasco recebe o Ceará, nesta quinta-feira, em São Januário. No dia anterior, o Internacional encara o Bahia, no Beira-Rio.

O jogo – Empurrado pela torcida, o Vasco iniciou a partida tentando pressionar o Internacional. A primeira boa chance aconteceu aos oito minutos. Rossi arriscou de fora da área e assustou o goleiro Marcelo Lomba. O Internacional respondeu em seguida, quando Uendel apareceu livre na área, mas cabeceou pela linha de fundo. No entanto, o lance já havia sido invalidado por impedimento de Nico López na origem da jogada.

Aos poucos, o Internacional equilibrou o confronto. Com isso, o jogo ficou concentrado entre as duas intermediárias, sem lances de perigo. O duelo só voltou a ter emoção aos 25 minutos, quando Rossi novamente chutou de longe e obrigou Marcelo Lomba a fazer boa defesa. Logo depois, foi a vez de Tiago Reis aproveitar cruzamento, mas cabecear pela linha de fundo.

Os sustos fizeram o Internacional melhorar a marcação e buscar o ataque com mais intensidade. No entanto, na melhor chance gaúcha, Nico López parou em grande defesa de Fernando Miguel, mas o lance não seria validado por impedimento do uruguaio.

Mesmo abusando dos erros de passes, o Vasco conseguiu chegar ao gol aos 43 minutos. Após cruzamento na área, Emerson Santos cortou mal e bola sobrou para Andrey chutar no canto, sem chance para Marcelo Lomba.

O revés foi sentido pelos gaúchos, que tentaram esboçar uma pressão nos minutos finais, mas viram o Vasco ampliar o marcar já nos acréscimos. Danilo Barcelos cobrou falta no travessão e a bola sobrou para Tiago Reis mandar de cabeça para a rede e deixar os donos da casa com boa vantagem para o intervalo.

No segundo tempo, o Internacional pressionou desde os primeiros minutos em busca do gol. Os visitantes tiveram boa chance aos seis minutos, quando Rafael Sóbis fez boa jogada individual e chutou em cima de Fernando Miguel. O Vasco não conseguia sair nos contra-ataques e apenas se defendia.

A pressão gaúcha surtiu efeito aos dez minutos. Nico López cruzou, Victor Cuesta dominou mal e Emerson Santos aproveitou para chutar cruzado, sem chance para Fernando Miguel.

O Internacional manteve a postura após o gol e quase empatou aos 13 minutos. Patrick fez boa jogada e cruzou para Jonathan Alvez. O equatoriano subiu livre, mas cabeceou sobre o travessão. Depois foi a vez de Patrick receber passe na área, mas chutar mal.

Enquanto o Vasco tinha muita dificuldade em chegar ao ataque, o Internacional permanecia com a vocação ofensiva. Os gaúchos chegaram a colocar a bola na rede aos 21 minutos, com Jonathan Alvez, mas o atacante estava em posição de impedimento. Dois minutos depois, Nonato arriscou de fora da área e obrigou Fernando Miguel a fazer grande defesa.

O panorama da partida continuava o mesmo, só que o Vasco melhorou a marcação e passou a dificultar as boas jogadas do Internacional. Os gaúchos só voltaram a chegar com perigo aos 41 minutos. Zeca cruzou para Uendel, que acertou belo chute de primeira, mas a bola foi pela linha de fundo.

Nos minutos finais, o Vasco conseguiu segurar a pressão do Internacional para sair de campo com a primeira vitória no Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA

VASCO 2 x 1 INTERNACIONAL

Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro-RJ

Data: 07 de junho (sexta-feira)

Horário: 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC).

Assistentes: Alex dos Santos (SC) e Eder Alexandre (SC).

VAR: André Luiz de Freitas Castro (GO) auxiliado por Elmo Alves Resende Cunha (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)

Renda: R$ 222.185,00

Público: 10.652 pagantes

Cartões amarelos: Rafael Sóbis e Emerson Santos (Internacional)

GOLS

VASCO: Andrey, aos 43min do primeiro tempo; Tiago Reis, aos 47min do primeiro tempo

INTERNACIONAL: Emerson Santos, aos 10min do segundo tempo

VASCO: Fernando Miguel; Yago Pikachu, Oswaldo Henriquez, Ricardo Graça e Danilo Barcelos; Raul, Marcos Júnior e Andrey (Fellipe Bastos); Rossi (Bruno César), Marrony e Tiago Reis (Jairinho)

Técnico: Vanderlei Luxemburgo

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Zeca, Emerson Santos, Victor Cuesta e Uendel, Rodrigo Lindoso, Edenílson (Patrick), Nonato e Guilherme Parede (Jonathan Alvez); Nico López (Sarrafiore) e Rafael Sóbis

Técnico: Odair Hellmann

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Água Fria - BA
Atualizado às 11h15
30°
Muitas nuvens Máxima: 32° - Mínima: 20°
31°

Sensação

17.8 km/h

Vento

45.9%

Umidade

Fonte: Climatempo
Rivalo Apostas Esportivas
Municípios
Últimas notícias
Rivalo Cassino
Mais lidas
Rivalo Apostas Esportivas