Sábado, 23 de março de 2019
71 9 8135 4773
Estaduais

21/02/2019 às 23h49

102

Atividade Esporte News

Salvador / BA

Manaus empata com o lanterna Rio Negro na Arena da Amazônia
Gavião empatou em 2 a 2 com o lanterna Rio Negro nesta quinta, na Arena da Amazônia
Manaus empata com o lanterna Rio Negro na Arena da Amazônia
Foto: Divulgação

O empate, falando apenas de tabela de classificação, foi ruim para os dois. Mas com certeza ficou pior para o Manaus. Com pênalti desperdiçado por Martony nos acréscimos, o "todo poderoso" Gavião empatou em 2 a 2 com o lanterna Rio Negro nesta quinta, na Arena da Amazônia, em partida que fechou a quarta rodada do Campeonato Amazonense. Os gols do time esmeraldino foram marcados por Jean Carlos e o próprio Martony. Soeiro e Brendo deixaram tudo igual.


Como fica?


Com o reusltado, o Manaus vai aos mesmos sete pontos do Fast, mas fica em terceiro pelo número de gols marcados: 6 a 5. Princesa, com nove, e Nacional, também com nove, completam o G4. O Rio Negro, apesar de ainda não ter vencido, conseguiu o segundo empate consecutivo e fica com dois pontos. Mas ainda na lanterna, visto que tem o saldo pior que do Iranduba: -5 a -3.


Primeiro tempo


Para quem acreditava que a demissão de João Carlos Cavalo faria o Manaus ter uma nova postura... ledo engano. Mesmo com um elenco superior, pelo menos na teoria, o Gavião repetiu a sonolência de outrora e teve apenas um falso domínio do jogo, visto que controlaa posse de bola, mas não agredia. Prova disso é que César não fez nenhuma defesa nos primeiros 45 minutos. O Rio Negro, por outro lado, parecia mais a fim de ganhar. Era perigoso, principalmente, nos contragolpes. Chegou até a ter um gol anulado com Gabriel Renan. A recompensa veio no apagar das luzes, aos 50. Gabriel Soeiro recebeu passe açucarado de Maxuel, que fez um salseiro no lado esquerdo ofensivo, colocou a bola para dentro e deu a vitória parcial ao Barriga Preta.


Segundo tempo


Não é possível dizer o que foi conversado no vestiário, mas o Manaus com certeza entendeu o recado do interino Nailton Garcês. A primeira mudança foi técnica: Vitinho deu lugar a Lê Santos. A segunda, tática: Derlan retornou à cabeça de área. Foram preciso dois minutos para o Gavião buscar o empate. Negueba, enfim, acertou o pé e cruzou falta na cabeça de Jean Carlos, que subiu mais alto que a defesa e fez valer a lei do ex.


Quatro minutos depois veio o segundo. Negueba, dessa vez em escanteio pela direita, cruzou na cabeça de Martony, que subiu livre e virou o placar. Ai o Gavião voltou a ser aquele das últimas partidas e primeiro tempo. Quase como os gols de bola parada tivesse caído do céu. O Rio Negro, que não tinha nada com isso, criou grandes oportunidades para igualar, até que conseguiu. Na mesma moeda. Brendo, que acabara de entrar, bateu falta com precisão e voltou a igualar a contagem. O Gavião ainda teve um pênalti aos 47, mas Martony isolou a chance de dar a vitória ao Manaus.


Do céu ao inferno


Clichê é chato, mas não tem como descrever a trajetória de Martony de outra forma. O zagueiro era o herói da vitória parcial, quando virou o placar aos seis minutos do segundo tempo. Depois teve a chance para emoldurar esse jogo e pendurar na parede aos 47, em cobrança de pênalti. O defensor, porém, cobrou na lua e desperdiçou a chance de dar a vitória ao Manaus. Terminou o jogo como vilão.


Iluminado!


Na última rodada, Brendo entrou no segundo tempo contra o Iranduba e marcou o gol do empate do Galo da Praça da Saudade - primeiro como profissional. Nesta quinta, o jogador mostrou que vive fase iluminada. Mais uma vez entrou quando o Galo estava atrás do placar. Mais uma vez fez o gol do empate. Agora numa linda cobrança de falta, que lembrou muito o gol marcado pelo Tarumã contra o Holanda, na final do Amazonense sub-21.


Próxima rodada


Na próxima rodada, o Rio Negro encara o Penarol, no domingo, no estádio Ismael Benigno, a Colina, Zona Oeste. Já o Gavião, que já terá Welington Fajardo na comissão técnica, visita o Princesa, no mesmo dia, mas em Manacapuru.

FONTE: Globo Esporte

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium