Série B

Paraná encerra jejum em casa e vence o Coritiba em clássico cheio de confusão

Com o resultado, o Paraná subiu para a sétima posição, com 38 pontos, enquanto o Coritiba, que não contou com o goleiro Muralha, suspenso, caiu para oitavo, com 37

05/10/2019 19h13
Por: Robson Silva
97
 Foto: Hedeson Alves
Foto: Hedeson Alves

O Paraná conseguiu um resultado importantíssimo na tarde deste sábado, na Vila Capanema, pela 26ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. No clássico contra o Coritiba, voltou a vencer após quatro partidas e aplicou um 2 a 0 ainda no primeiro tempo, em partida marcada por briga na torcida do Coxa.

Os gols foram anotados aos dez e aos 12 minutos, por Jenison e Bruno Rodrigues, este de pênalti. Com o resultado, o Paraná subiu para a sétima posição, com 38 pontos, enquanto o Coritiba, que não contou com o goleiro Muralha, suspenso, caiu para oitavo, com 37.

Na próxima rodada, o tricolor enfrenta o Operário, já na terça-feira, no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, às 19h15 (de Brasília). Buscando se recuperar, o Coritiba recebe o Guarani, nos mesmos dia e horário.

Briga na torcida

Durante o primeiro tempo, torcedores na área reservada ao Coritiba começaram uma discussão, que precisou sofrer intervenção da Polícia Militar presente no estádio, com bombas de efeito moral. Com a confusão e a presença de torcedoras passando mal, a arbitragem decidiu paralisar a partida aos 36 minutos e somente 13 minutos depois ela foi reiniciada.

Isso porque as duas ambulâncias presentes no local foram utilizadas para levar as torcedoras a hospitais e, conforme manda a regra, não pode haver jogo se não houver, no mínimo, uma ambulância disponível. Depois foram relatados outros casos de torcedores passando mal com o episódio. Depois, porém, a partida foi novamente interrompida por falta de médico socorrista, mas apenas por alguns minutos, já que os médicos dos clubes se colocaram à disposição de atendimento, no caso de alguma eventualidade, até o retorno das ambulâncias.

O jogo – O clima era de clássico desde o início, com muita disputa no meio de campo. Aos dez minutos, os donos da casa abriram o marcador com Jenison: após cruzamento de Vitinho, ele subiu mais alto que Sabino e acertou o canto de Rafael Martins, que nada pôde fazer.

Mal houve tempo para comemorar e, instantes depois, o Paraná sofreu pênalti no mesmo Jenison. Ele foi derrubado na área por Romércio e, na cobrança, Bruno Rodrigues converteu, em batida rasteira no lado contrário ao escolhido por Rafael Martins. Com a briga na torcida, o árbitro apitou o fim da primeira etapa aos 64 minutos.

Com algumas modificações, o Coxa voltou mais centrado no segundo tempo, trocando mais passes para tentar alguma infiltração. Apesar disso, porém, o jogo ficou sem grandes chances durante os 45 minutos finais, somente no finzinho, com Robson, mas o placar não foi modificado.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ 2 X 0 CORITIBA

Local: Estádio Durival de Britto, em Curitiba (PR)

Data: 3 de outubro de 2019, sábado

Horário: 16h30 (de Brasília)

Árbitro: Lucas Paulo Torezin (PR)

Assistentes: Luciano Roggenbaum e Luiz H Souza Santos Renesto (ambos do RJ)

Público: 11.630 torcedores

CARTÕES AMARELOS: Igor Jesus e Rodrigão (Coritiba); Judivan (Paraná).

GOLS: PARANÁ: Jenison, aos 10 minutos, e Bruno Rodrigues, aos 12 minutos do primeiro tempo.

PARANÁ: Thiago Rodrigues; Éder Sciola, Rodolfo, Leandro Almeida e Guilherme Santos; Luiz Otávio, Fernando Neto e Vitinho (Itaqui); Judivan (Raphael Alemão), Jenison e Bruno Rodrigues (João Pedro).

Técnico: Matheus Costa

CORITIBA: Rafael Martins; Diogo Mateus, Romércio, Sabino e Patrick Brey; Matheus Salles e Alano; Giovanni (Igor Jesus), Kelvin (Thiago Lopes), Robson e Rodrigão (Rafinha).

Técnico: Jorginho

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas