Copa Sul-Americana

Del Valle supera chuva e Colón e é campeão da Copa Sul-Americana

A partida única disputada no Paraguai chegou a ser interrompida no primeiro tempo após temporal e foi reiniciada cerca de uma hora depois

09/11/2019 20h37Atualizado há 6 dias
Por: Robson Silva
142

O Independiente Del Valle é o novo campeão da Copa Sul-Americana. Após eliminar o Corinthians na semifinal, o time equatoriano bateu o Colón por 3 x 1, neste sábado (09/11/2019), e ficou com o troféu da competição.

A equipe alvinegra dominou o confronto do começo ao fim e soube aproveitar as oportunidades criadas para abrir dois gols de vantagem. Os argentinos descontaram no final do jogo, mas Dájome sacramentou o triunfo nos acréscimos. Os campeões ainda contaram com grande defesa de Jorge Pinos em cobrança de pênalti de Luis Rodríguez na segunda etapa.

Com a conquista, o Del Valle se torna o segundo clube do Equador a sagrar-se campeão do torneio continental. O primeiro foi a LDU, que levantou a taça em 2009 ao vencer o Fluminense na decisão. Além disso, os Rayados garantem a vaga na próxima edição da Copa Libertadores e 4 milhões de dólares (R$ 16,7 milhões) em premiação.

Foto: Reprodução/Twitter

 

A primeira final única da história da Sul-Americana, disputada em Assunção, no Paraguai, teve contornos de dramaticidade. Ainda na primeira etapa, um temporal obrigou a partida a ser interrompida. Até então, aos 31 minutos, o Del Valle já vencia o duelo por 1 x 0.

Após quase uma hora de paralisação, o time equatoriano voltou a ser mais eficiente e aumentou o placar ainda na etapa inicial. Aos 42, Jhon Sánchez fez bela jogada individual e balançou a rede contando com a sorte.

O Colón teve grande chance de descontar no segundo tempo, mas Luis Rodríguez perdeu um pênalti aos 9 minutos. Ele bateu no canto direito e o goleiro Pinos pegou. O time argentino ainda teve força para esboçar a reação. Aos 43 minutos, o zagueiro Emanuel Olivera aproveitou escanteio e diminuiu o placar.

Os seis minutos de acréscimos, no entanto, não foram suficientes para o Colón chegar ao gol de empate. Pior do que isso. Aos 50 minutos, Dájome aproveitou contra-ataque para o Del Valle e, com o gol vazio, determinou o placar final: 3 x 1.

FICHA TÉCNICA

INDEPENDIENTE DEL VALLE (EQU) 3 X 1 COLÓN (ARG)

Local: Estádio General Pablo Rojas, em Assunção (Paraguai)

Data: 9 de novembro de 2019 (Sábado)

Horário: 17h30 (de Brasília)

Árbitro: Raphael Claus (Brasil)

Assistentes: Emerson de Carvalho (Brasil) e Bruno Pires (Brasil)

Cartões amarelos: Landázuri, Cristian Dájome (Independiente Del Valle)

Gols: León, aos 24 minutos do primeiro tempo; Jhon Sánchez, aos 42 minutos do primeiro tempo; Cristian Dájome, aos 50 minutos do segundo tempo (Independiente Del Valle) Emanuel Olivera, aos 43 minutos do segundo tempo (Colón)

INDEPENDIENTE DEL VALLE: Jorge Pinos; Landázuri, Fernando León, Richard Schunke e Luis Segovia; Cristian Pellerano, Alan Franco, Efrén Mera (Garcés), Jhon Sánchez (Cabeza) e Cristian Dájome; Gabriel Torres (Corozo).

Técnico: Miguel Ángel Ramírez

COLÓN: Leonardo Burián; Alex Vigo (Ortega), Guillermo Ortiz, Emanuel Olivera e Gonzalo Escobar (Esparza); Fernando Zuqui, Federico Lértora, Bernardi (Chancalay) e Marcelo Estigarribia; Luis Rodríguez e Wilson Morelo.

Técnico: Pablo Lavallén

O título do Del Valle é inédito e garante ao time equatoriano uma vaga na Copa Libertadores do ano que vem.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas